COPA AMÉRICA: Brasil abre torneio após indefinições e polêmicas


Copa América

COPA AMÉRICA: Brasil abre torneio após indefinições e polêmicas

Campeonato seria disputado em junho do ano passado com sedes na Argentina e na Colômbia

Publicado em 12/06/2021
por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 12 (AFI) – Dois jogos abrem neste domingo a primeira rodada da Copa América, torneio que deveria ter sido disputado no ano passado, mas que acabou sendo adiado devido à pandemia da covid-19. Os outros dois jogos da rodada inicial acontecerão na segunda-feira. O PLACAR FI acompanhará TUDO em TEMPO REAL.

A princípio, a competição seria disputada em junho de 2020, mas a pandemia obrigou a Conmebol adiar sua disputa. Outro fato importante é que os jogos aconteceriam na Colômbia e na Argentina, que recentemente abriram mão dos jogos por questão de saúde pública, quase comprometendo a realização da Copa América.

Contudo, a Conmebol procurou o Brasil para sediar os jogos e recebeu o sinal positivo do presidente Jair Bolsonaro, com a tabela do campeonato sendo toda reformulada e a entidade correndo contra o tempo para estabelecer medidas de segurança às delegações que estarão na disputa pelo título.

O aceite do governo brasileiro desgastou o ambiente da Seleção Brasileira e causou revolta de boa parte da população, pois a pandemia da covid-19 ainda não foi controlada e milhares de pessoas ainda morrem por conta do vírus. Os jogadores cogitaram boicotar o campeonato, mas acabaram aceitando entrar em campo por força dos contratos que estabeleceram com patrocinadores.

Na edição deste ano, o Brasil defenderá o título do campeonato. A Seleção Brasileira venceu em 2019, Contudo, quem aparece com mais títulos da Copa América é o Uruguai com 15 conquistas. A Argentina aparece logo atrás com 14.

Brasil defende o título da Copa América, já que conquistou a última em 2019

Brasil defende o título da Copa América, já que conquistou a última em 2019

PRIMEIRA RODADA
A primeira rodada terá dois jogos neste domingo. O jogo de abertura será entre Brasil e Venezuela, às 18 horas, no Mané Garrincha, em Brasília. Mais à note, a Colômbia enfrentará o Equador às 21 horas, na Arena Pantanal, no Mato Grosso.

Na segunda-feira, a Argentina enfrentará o Chile, às 18 horas, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro. Enquanto às 21 horas, Paraguai e Bolívia se enfrentarão no estádio Olímpico, em Goiânia.


Fonte: Futebol Interior