20.2 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Goiás x CRB – Luta direta pelo G4 da Série B e, quem sabe, pela ponta!


Brasileiro

Goiás x CRB – Luta direta pelo G4 da Série B e, quem sabe, pela ponta!

Goiás está na quinta colocação com cinco pontos, a dois do CRB que fecha o G4

Publicado em 14/06/2021
por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 14 (AFI) – Goiás e CRB farão, nesta terça-feira, luta direta pelo G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Goianos e alagoanos se enfrentarão na Serrinha, em Goiânia, às 21h30, pela terceira rodada. Para o Galo, aliás, poderá até mesmo valer a liderança.

Embalado por três vitórias seguidas, sendo a última sobre o Confiança, por 3 a 2, o CRB fecha o G4, na quarta colocação com sete pontos, a dois do líder Náutico. O Goiás, que bobeou ao levar o empate no final do Cruzeiro (1 a 1), parou na quinta colocação com cinco pontos.

FOI O QUE DEU!
O técnico Pintado, no entanto, fez questão de valorizar o ponto conquistado fora de casa. Satisfeito com o time, que chegou a dominar em boa parte do jogo, o treinador não deve fazer alterações. Sem lesionados ou suspensos, Pintado deve repetir o time pela terceira vez seguida.

Pintado vai manter o time. (Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás)

Pintado vai manter o time. (Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás)

“Levar um ponto é sempre importante. A competição é longa. Não faltou luta, embora tenhamos muito a melhorar. Vamos trabalhar para jogar bem e continuar competindo”, disse o comandante.

MUDANÇA!
No CRB, o técnico Allan Aal será obrigado a fazer uma alteração. O volante Marthã recebeu o terceiro cartão amarelo e será substituído por Claudinei. O meia Diego Torres foi liberado pelo departamento médico após sentir desconforto no adutor da coxa esquerda. Na lateral esquerda, Guilherme Romão deve seguir como titular, mas Alexandre Melo corre por fora. O restante do time seguirá o mesmo das últimas rodadas.

Allan Aal fará uma mudança. (Foto: Reprodução)

Allan Aal fará uma mudança. (Foto: Reprodução)

“Fundamentalmente é trabalhar, manter humildade, manter os pés no chão, saber que cada jogo na Série B é uma decisão, é muito difícil. A gente precisa pensar jogo a jogo, respeitando o adversário, mas se doando, como a gente vem fazendo e corrigindo alguns detalhes, que a gente sabe ainda que precisa corrigir, pra que tenha o equilíbrio em todo jogo: o equilíbrio tático, técnico, que a gente possa manter essa intensidade e essa concentração, gastando a energia só trabalhando”, disse Allan Aal.


Fonte: Futebol Interior