Isadora nega traição e fala em machismo em término com Thiago Maia


Brasileiro

Cantora nega traição e fala em machismo em término com meia do Flamengo

Eles apagaram as fotos das redes sociais em março. O casamento foi em fevereiro.

Publicado em 03/06/2021
por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 03 (AFI) – Após dois meses da cerimônia de casamento, a cantora Isadora Pompeu falou sobre a separação com o meia do Flamengo, Thiago Maia. Ela deixou claro que não houve traição por sua parte e viu um pouco de pressão e machismo por parte do atleta.

Isadora tem apenas 22 anos, enquanto Thiago Maia tem 24. O próprio atleta negou que a ex-mulher teria o traído. Eles apagaram as fotos das redes sociais em março. O casamento foi em fevereiro.

Isadora deixou Thiago Maia

Isadora deixou Thiago Maia

Confira a declaração de Isadora:

Isso que eu estou fazendo não é apenas para amenizar a minha dor, mas para ajudar outras mulheres a superarem momentos parecidos com o meu. Como vocês já sabem, eu me apaixonei, namorei, casei e estava feliz. Estava esperançosa e transbordando de amor, mas infelizmente as coisas mudaram de uma forma repentina e me pegou de surpresa.

Tudo era maravilhoso e lindo no começo, mas depois de casada, eu vivi situações que hoje sei que são comuns na vida de várias mulheres. Eu tive de encarar muito machismo, preconceito e uma tentativa incansável de controle sobre mim. Mas a voz de Deus diz que ele não tem ciúmes e ele não se irrita facilmente. Muito pelo contrário, ele tudo crê, espera e suporta.

Eu achava que o que estava acontecendo era amor com medo de perder, mas hoje eu sei que não era. Para amar alguém, a gente não precisa diminuir ninguém nunca. Mesmo assim eu continuei acreditando no nosso amor, na comunhão do casamento. Fui criada para crer em Deus e no amor. Mesmo passando por situações humilhantes eu insisti. Fiz de tudo para gente continuar junto e descobri que meu amor seguia gigante, mas era incapaz de amar por nós dois.

Eu não traí o Thiago e isso é mais uma forma do machismo para diminuir as mulheres. Peço desculpa pelo desabafo, mas falo por mim e por várias mulheres. Faço pelas mulheres brasileiras. Deixo claro, aqui, que sigo acreditando no amor. O choro vem de noite, mas a alegria virá pela manhã.


Fonte: Futebol Interior