Na seca há duas rodadas, Botafogo tenta sua primeira vitória fora na Série B


Rio de Janeiro, RJ, 26 – O Botafogo folgou na rodada passada contra o CSA por causa da indisponibilidade do estádio Nilton Santos – cedido à Copa América -, mas ainda assim, o clube carioca enfrenta jejum de dois jogos sem vitória.

Em busca da reabilitação e também do primeiro triunfo fora de casa, o Botafogo visitará o Sampaio Corrêa neste sábado, às 16h30, no Castelão, em São Luís (MA), pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Nas últimas duas vezes que esteve em campo, o time de Marcelo Chamusca empatou com o Londrina, por 2 a 2, no Estádio do Café, e perdeu do Náutico, por 3 a 1, nos Aflitos. Como visitante, o Botafogo tem dois empates e uma derrota. Na classificação geral, os cariocas somam oito pontos, um a menos do que os maranhenses. O Sampaio está invicto há duas rodadas e vem de 0 a 0 com o Brusque.

“Acho importante vencer fora de casa, eu não faço distinção. Temos margem para melhorar. Nos meus últimos dois anos na Série B, tenho bom número de vitórias fora de casa. Temos margem para ganhar ainda fora”, disse Chamusca.

No Botafogo, o comandante ganhou o desfalque do lateral-esquerdo Rafael Carioca. Com quadro gripal, ele fez o teste de Covid-19 e deu negativo, mas não viajou com a delegação. Guilherme Santos deve assumir a titularidade, uma vez que PV foi negociado com o Internacional.

O atacante Ronald, enquanto isso, está de volta. Ele cumpriu protocolo após sofrer concussão contra o Londrina. O atacante ficou fora ante o Náutico, mas agora está liberado pelo departamento médico.

No Sampaio Corrêa, o técnico Felipe Surian manteve a rotina de mistério. O atacante Roney, recuperado de lesão muscular, pode ser uma das novidades. Se confirmado, ele pegará a vaga de Jean Silva. Na outra vaga, Romarinho deve ganhar mais uma chance. Gui Campana corre por fora, uma vez que Pimentinha, com lesão muscular, ainda não está 100%.

Recuperado de desgaste muscular, o zagueiro Nilson Júnior volta na vaga de Alan Godói. No meio-campo, o volante André Luís acertou com a Ponte Preta. Betinho e Mauro Silva disputam posição.

“A gente vai para essa partida contra o Botafogo focado pois será um jogo muito difícil. É um time grande, mas como todo respeito, quando a bola rolar, a gente tem que mostrar nossa força. Surpreender e conseguir nosso objetivo, que é a vitória”, avisou o atacante Ciel.


Fonte: Futebol Interior