Nada de aglomeração: Vacinados também devem seguir as medidas de segurança no São João


A vacinação contra a Covid-19 começou no final de janeiro no Brasil e trouxe esperança e alívio para a população. No entanto, o país ainda está longe de controlar a pandemia do novo coronavírus. Por conta disso, será o segundo ano sem São João na Bahia e segue sendo necessário todos os cuidados para evitar a proliferação do vírus. E isso inclui também aqueles que já foram vacinados.

A infectologista Melissa Falcão destaca que a longa duração das medidas restritivas levou a população a reduzir os cuidados pessoais de prevenção. “A proximidade de festas tradicionais como São João aumentam o temor de uma piora no quadro atual, que já é preocupante”, ressalta a especialista.

De acordo com dados divulgados pela Secretária Estadual de Saúde, até às 16h do dia 6 de junho, a Bahia havia vacinado 3.637.037 habitantes, o que equivale a 24,36% da população do estado.

Esses números ainda estão muito longe do que os estudos dizem ser necessários para alcançar a tão falada imunidade de rebanho. Um estudo realizado pelo Instituto Butantan na cidade de Serrana, em São Paulo, indicou que com 75% da população-alvo vacinada com as duas doses, a pandemia foi controlada.

Se já estou protegido, por que não curtir?

Apesar do avanço da vacinação, há uma tendência de alta no número de casos e internações na Bahia. “Vemos o aumento do número de casos positivos, de internações e mortes. Além de presença cada vez mais frequente variantes, dominando os cenários estaduais. Estudos recentes sugerem que quem já teve Covid-19 tem uma chance maior de se infectar pelas variantes virais”, alerta a médica.

Por isso, mesmo quem já foi vacinado precisa manter os cuidados básicos: uso de máscara, distanciamento social e higiene correta das mãos. 

Além disso, é importante lembrar que a vacina só confere proteção máxima após duas semanas da segunda dose. 

Você pode estar protegido, mas alguém que você ama, não. E você pode continuar sendo um vetor de transmição.  “Não permitam que o momento de descuido possa tirar da sua vida alguém importante. Pois a epidemia vai passar e as vidas perdidas não poderemos recuperar”, friza Melissa Falcão.

Para curtir o São João com responsabilidade, traga o clima junino para dentro de casa. Com um bom cardápio, uma decoração no clima junino, boa música e boa companhia – daqueles que moram com você! -, é possível celebrar com responsabilidade. 





Fonte: iBahia