Paraná e Figueirense se reencontram após rebaixamento em 2020


Brasileiro

Paraná x Figueirense – Tricolor e Furacão se reencontram após rebaixamento em 2020

O Paraná aparece na nona colocação do Grupo B, ainda sem pontuar, enquanto o Figueirense é o quinto, com três pontos

Publicado em 12/06/2021
por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 11 (AFI) – Um duelo bem recorrente nas últimas edições da Série B voltará a acontecer na tarde deste domingo (13), em Curitiba, quando a partir das 16h o Paraná irá receber, no estádio Durival Britto (Vila Capanema), o Figueirense, desta vez pela Série C do Campeonato Brasileiro, em partida válida pela terceira rodada da primeira fase da competição nacional.

As equipes ainda buscam deslanchar na Série C. Na tabela de classificação, o Paraná aparece na nona colocação do Grupo B, ainda sem pontuar, na zona de rebaixamento, enquanto o Figueirense é o quinto, com três pontos, um atrás do Criciúma, primeiro time no G4.

BAIXAS NO TRICOLOR

Foto: Albari Rosa/ Foto Digital/ UmDoisEsportes

Foto: Albari Rosa/ Foto Digital/ UmDoisEsportes

Para a partida, o técnico Maurílio Silva terá duas baixas importantes no meio-campo. Isso porque, o meia Maxi Rodríguez foi negociado com o São José-RS, rival do Paraná na Série C e não faz mais parte do plantel.

Já Thiago Alves testou positivo para covid-19 na última semana e segue em isolamento.

Por isso, o comandante irá promover a entrada de Juninho, que foi titular no jogo da estreia contra o Ypiranga, mas ficou no banco de reservas no jogo passado. Com isso, irá abrir uma vaga também no ataque, onde Gustavo França, Gabriel Pires e Lucas Sene são opções. Caso deseje um time mais recuado, volante Adriano Júnior também está na briga.

CLIMA DE FESTA

Após vencer o Oeste por 1 a 0 na última rodada e conquistar sua primeira vitória na Série C, o técnico Jorginho não deve fazer grandes mudanças na equipe para encarar o Paraná. Para o jogo festivo, que acontecerá um dia após o aniversário de 100 anos do Figueira, não tem nenhum jogador suspenso ou machucado. O único desfalque será o meia Guilerme Garré, positivado para Covid-19.

A dúvida do comandante do Furacão é no setor de criação e ataque do time. Uesley pode entrar na vaga do meia Fabrício, enquanto Pedro Maranhão pode pintar no time titular no lugar de Diego Tavares. Caso essas alterações não sejam feitas, o Figueirense deve ir à campo com o mesmo time da última rodada.


Fonte: Futebol Interior