Seleção brasileira tenta mater 100% e quebrar tabu em Assunção


Eliminatórias – América do Sul

Paraguai x Brasil – Seleção brasileira tenta mater 100% e quebrar tabu em Assunção

A seleção brasileira não vence o Paraguai fora de casa desde 1985, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 1986

Publicado em 07/06/2021
por Samuel Garcia

Campinas, SP, 07 (AFI) – Após bater o Equador em Porto Alegre, na última sexta-feira (04), a seleção brasileira volta à campo pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar de 2022 nesta terça-feira (08), quando a partir das 21h30 (horário de Brasília) irá encarar o Paraguai, no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, pela oitava rodada da competição Sul-Americana.

CENÁRIO

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Com 100% de aproveitamento, o Brasil lidera a tabela de classificação das Eliminatórias com 15 pontos, quatro acima da Argentina, vice-líder, e oito acima do Paraguai, quarto colocado, com sete pontos e ainda invicto na competição.

A partida também pode servir para a quebra de tabus. A seleção brasileira não vence o Paraguai fora de casa desde 1985, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 1986, enquanto os paraguaios não conseguem vencer a seleção desde 2008.

POLÊMICAS

A seleção brasileira volta à campo após uma série de polêmicas. Desde o anúncio de que a Copa América seria disputada no Brasil, os jogadores da seleção ameaçaram um possível boicote à competição, devido à forma com que a competição foi organizada pela Conmebol e transferida às pressas ao país após a desistência de Argentina e Colômbia.

Em resposta, boatos surgiram de uma possível demissão de Tite do comando da esquadra nacional, porém, tudo mudou após o afastamento de Rogério Caboclo da presidência da CBF, depois de uma acusação de assédio físico e moral a uma funcionária da corporação. Nesta segunda-feira, a CBF anunciou que Tite será mantido e os jogadores confirmaram a participação da seleção na Copa América.

MUDANÇAS

Em campo, fugindo das polêmicas dos bastidores da CBF, Tite deve promover mudanças para encarar o Paraguai, em relação ao time que venceu o Equador por 2 a 0 na última sexta-feira. Suspenso diante dos equatorianos, o volante Douglas Luiz está liberado para encarar os paraguaios e pode pintar na vaga de Fred.

Outra mudança feita pelo treinador da seleção nos treinamentos foi a entrada de Gabriel Jesus na vaga de Gabigol. Com isso, Neymar pode ser usado como uma espécie de centroavante, com Gabriel Jesus e Richarlison pelas pontas. Everton Ribeiro voltou a treinar após sentir um desconforto, mas ao que tudo indica, Paquetá segue como titular.

“Temos um grupo de atletas do mais alto nível. A utilização de um ou outro vai depender das estratégias, do momento de cada um, do histórico dentro da Seleção… Isso acaba gerando muita possibilidade de uso, sempre no mais alto nível. Há um grau de dificuldade muito grande, sim. A qualidade da equipe do Paraguai, ainda mais jogando em casa, com o nível equilibrado das eliminatórias, então é um desafio sim”, disse Tite, sobre a partida diante do Paraguai.

PARAGUAI MOTIVADO

Agarrados na possibilidade de vencer a seleção brasileira e saltar na tabela de classificação, o Paraguai vai à campo em Assunção motivado. O time comandado por Eduardo Berizzo deve ir à campo com força máxima para encarar o Brasil, apostando nos irmãos Romero e Giménez para marcar gols. O time deve ir à campo com a mesma formação que empatou em 0 a 0 com o Uruguai.


Fonte: Futebol Interior