Seleção da Croácia se nega a ajoelhar em protesto antirracista


Eurocopa

Seleção da Eurocopa se nega a ajoelhar em protesto antirracista

Para os croatas, o gesto não representa a cultura e a tradição do seu povo

Publicado em 10/06/2021
por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) – Não e não! A Seleção da Croácia não irá se ajoelhar antes das partidas da Eurocopa em protesto antirracista. Ainda assim, os croatas afirmaram que são contar o racismo. O torneio de seleções da Uefa começará nesta sexta-feira.

“A Federação Croata de Futebol e a seleção nacional da Croácia condenam veementemente toda e qualquer forma de discriminação. Também respeitamos o direito de cada indivíduo e de cada organização de selecionar as circunstâncias e a maneira como se posicionará contra o racismo e / ou outras formas de discriminação”, informou em nota oficial.

Nada de ficar de joelhos. (Foto: Divulgação)

Nada de ficar de joelhos. (Foto: Divulgação)

Os croatas já haviam se recusado a ajoelhar-se no amistoso contra a Bélgica. Os belgas se ajoelharam antes da vitória por 1 a 0. Para os croatas, o gesto não representa a cultura e a tradição do seu povo.

GESTO!
O gesto de se ajoelhar foi inspirado no jogador de futebol americano Colin Kaepenick, que em 2016 negou-se a ficar de pé durante a execução do hino dos Estados Unidos em um jogo da NFL (liga de futebol americano). A ação pretendia chamar atenção para a violência policial contra a população negra. O gesto foi adotado pelos jogadores de futebol do Campeonato Inglês durante a temporada 2019/2020 após o assassinato de George Floyd.

A Croácia está no Grupo D da Euro ao lado de Inglaterra, adversário da estreia no domingo, às 10 horas (horário de Brasília), Escócia e República Tcheca.

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA:

A Federação Croata de Futebol e a seleção nacional da Croácia condenam veementemente toda e qualquer forma de discriminação. Também respeitamos o direito de cada indivíduo e de cada organização de selecionar as circunstâncias e a maneira como se posicionará contra o racismo e / ou outras formas de discriminação.

A Federação Croata de Futebol acredita que os jogadores têm direito à sua própria opinião sobre estes tópicos e que também têm o direito de escolher se querem ou não participar. Os jogadores da seleção croata decidiram em conjunto, antes do amistoso contra a Bélgica, que não iriam se ajoelhar e respeitosamente permaneceram em silêncio durante o ação de seus colegas belgas.

EXPLICAÇÕES PARA MAIS UMA ELIMINAÇÃO!

A Federação Croata de Futebol não irá impor aos jogadores croatas a obrigação de ajoelhar-se, visto que este gesto não guarda quaisquer laços simbólicos com a luta contra o racismo e a discriminação no contexto da cultura e tradição croatas.

Em geral, acreditamos que o mais importante é o fato de que os jogadores croatas se comportaram com respeito ao longo de suas carreiras e mostraram que respeitam todos os indivíduos, adversários e companheiros de equipe, independentemente de raça, religião, posição social etnia, ou qualquer outra característica, que é um valor também promovido pela Federação Croata de Futebol.


Fonte: Futebol Interior