Seleção da Ucrânia provoca Rússia em seu uniforme da Euro 2020


Eurocopa

Seleção da Ucrânia coloca provocação política a Rússia em seu uniforme da Euro 2020

Na tradicional camisa amarela, há uma mapa do país com a região da Crimeia ao fundo. Território que foi anexado pelos russos em 2014

Publicado em 07/06/2021
por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 7 (AFI) – Em anúncio feito pelo diretor de futebol da Ucrânia, Andriy Pavelko, a seleção lançou o uniforme em que disputará a Euro 2020. Na camisa há certa “provocação política” para a Rússia. No centro da camisa, em volta do escudo há o mapa do país, mas com a península da Crimeia incluída, região que foi anexada pela Rússia em 2014 e a qual reivindica o controle de sua área.

A população russa não gostou nada, pois ele acreditam que a Região pertence, de fato, a eles. Porém, internacionalmente é um território conhecido como do povo ucraniano.

Região da Crimeia, no uniforme - Foto: Divulgação

Região da Crimeia, no uniforme – Foto: Divulgação

CONTEXTO HISTÓRICO

Desde o fim da União Soviética em 1991, a Crimeia foi reconhecida como parte da Ucrânia. Além disso, a camisa também traz as frases “Glória à Ucrânia!” e “Glória aos heróis!” – um slogan nacionalista associado a cooperação com os nazistas na Segunda Guerra Mundial.

PEDIDO A UEFA

Os russos descreveram como uma provocação política e fizeram um pedido a Uefa para que proíba a camisa da seleção.

VAI USAR QUANDO

A seleção deverá estrear seu novo uniforme nesta tarde de segunda-feira, em amistoso contra o Chipre. Oficialmente, o uniforme será usada na estreia da seleção na Eurocopa, contra a Holanda, no dia 13 deste mês.


Fonte: Futebol Interior