Vila Nova 0 x 1 Bahia – A vantagem poderia ter sido maior


Copa do Brasil

Vila Nova 0 x 1 Bahia – A vantagem poderia ter sido maior

O Esquadrão perdeu muitas chances, mas vai jogar pelo empate na próxima quarta-feira

Publicado em 01/06/2021
por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 01 (AFI) – Com gol do experiente Rodriguinho, o Bahia deu um passo importante rumo às oitavas de final da Copa do Brasil na tarde desta terça-feira ao ganhar do Vila Nova, por 1 a 0, no Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, pela primeira mão da terceira fase.

A partida de volta está marcada para a próxima quarta-feira, às 19 horas, no Pituaçu, em Salvador. O Bahia joga pelo empate, enquanto o Vila Nova tem que ganhar por dois ou mais gols de vantagem. A vitória simples do time goiano leva a decisão para os pênaltis.

Quem garantir a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil embolsa uma premiação de R$ 2,7 milhões.

VEJA O GOL E MELHORES MOMENTOS

MUITAS CHANCES PERDIDAS
O Bahia começou a partida se impondo sobre o Vila Nova e criou a primeira boa oportunidade logo aos oito minutos. Rodriguinho recebeu cruzamento de Thaciano e bateu na trave. No rebote, Thonny Anderson finalizou em cima de Walisson Maia. A pressão tricolor continuou e Georgemy salvou em finalização de Thonny Anderson.

Rodriguinho comemora o gol marcado sobre o Vila Nova

Rodriguinho comemora o gol marcado sobre o Vila Nova

Aos 16, Thonny Anderson recebeu de frente para o goleiro e deu um toque com categoria por cima. A bola caprichosamente acertou a trave.

O Vila Nova apostava no contra-ataque, mas faltava acertar o último passe. A única vez que o goleiro Mateus Claus trabalhou foi aos 42 minutos, em chute de Kelvin.

ENFIM, O GOL!
Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Rossi cruzou na medida para Rodriguinho mandar de cabeça no contra pé de Georgemy, abrindo o placar para o Bahia. Em busca pelo menos do empate, o Vila Nova quase marcou aos 14 minutos. João Pedro arriscou de longe e Mateus Claus espalmou para escanteio.

DUELO ABERTO
A partida ficou aberta e o Bahia esteve perto de fazer o segundo na sequência. Rodriguinho recebeu mais um passe de Rossi e bateu para defesa de Georgemy. Aos 25, Mateus Claus levou a melhor novamente sobre João Pedro ao defender chute cara a cara.

O Vila Nova cresceu com as mudanças feitas por Wagner Lopes e chegou mais uma vez perto do empate em falta cobrada por Dudu que acertou o travessão. Já nos acréscimos, Georgemy evitou o gol do Bahia em cruzamento fechado de Alesson, que sofreu um pênalti não marcado pelo árbitro.


Fonte: Futebol Interior