Antiguidade Oriental: a idade antiga do Oriente


Antiguidade Oriental: um resumo

O termo “Antiguidade Oriental” é utilizado para se referir aos povos do Oriente que se desenvolveram durante o período da Idade Antiga.

O tema é abordado por diversas questões de história geral, principalmente nos vestibulares e na prova do ENEM. 

Dessa maneira, é fundamental que você domine as principais características da Antiguidade Oriental. 

Antiguidade Oriental: introdução

Como mencionado, o conceito de “Antiguidade Oriental” foi criado para se referir aos povos que viveram no Oriente, com um destaque para o que hoje denominados de Oriente Médio e para a região norte do continente africano, durante a antiguidade. 

Historiadores afirmam, ainda, que o termo foi criado com o objetivo de diferenciar esses povos daqueles que viveram na chamada Antiguidade Clássica. 

Antiguidade Oriental: características

Diversos foram os povos e as civilizações que integraram a parte oriental da Idade Antiga. Porém, apesar de muito diferentes entre si, esses grupos compartilhavam algumas características. Vamos descobrir, a seguir, quais são elas: 

Você Pode Gostar Também:

  • Construção de grandes obras públicas
  • Presença de Estados fortes e centralizados
  • Governo teocrático, ou seja, baseado na religião 
  • Presença de uma religião politeísta: cada povo possuía sua religião, mas ela era sempre marcada pela existência de diversos deuses
  • Presença de um regime de servidão
  • Economia baseada na produção agrícola, normalmente realizada nas margens de rios
  • Ausência de mobilidade social: se uma pessoa, por exemplo, nascia camponês, é muito provável que ela permaneceria um camponês por toda a sua vida, uma vez que as possibilidades de mudanças e de ascensão social eram mínimas

Antiguidade Oriental: povos

Como mencionado, a Antiguidade Oriental é caracterizada pela presença de vários povos. 

Dentre eles, podemos citar a sociedade egípcia. Os egípcios viviam no norte do continente africano e a sua história é tradicionalmente dividida em três grandes momentos: Antigo Império, Médio Império e Novo Império. 

A civilização egípcia era governada por uma autoridade considerada divina: o faraó. Uma característica dessa sociedade é a existência dos escribas, responsáveis pela redação de documentos oficiais.

Outros povos fizeram parte da Antiguidade Oriental, como os babilônios, os sumérios, os acádios, os assírios e os caldeus. 

Cada um desses povos foi responsável por uma série de mudanças e transformações. Os sumérios, por exemplo, inventaram a escrita. Os babilônios, por sua vez, inventaram o primeiro código de leis da história: o código de Hamurabi.

Ainda, podemos considerar civilizações da Antiguidade Oriental os seguintes povos: fenícios, persas e hebreus.

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos