Atletas terão cama de papelão ‘anti-sexo’ nas Olimpíadas de Tóquio



Os atletas que irão para as Olimpíadas de Tóquio terão nos quartos uma cama de papelão de aguenta até 200kg. A ideia da organização dos Jogos é evitar o sexo na concentração e, com isso, a disseminação das infecções pelo coranavírus. 

Embora a organização tenha concordado em junho  em distribuir preservativos aos atletas, foram montadas 18.000  camas de papelão distribuídas pelos organizadores nas dependências olímpicas, que se partem se suportarem um peso superior ao indicado. 

Outro dos motivos apontados para o uso dessas camas, que foram inauguradas em janeiro de 2020, é o compromisso assumido pelo Japão em garantir jogos sustentáveis ​​com o meio ambiente, já que as camas são recicláveis e seu material será aproveitado após a comemoração das olimpíadas.





Fonte: iBahia