Atlético-BA 0 x 0 Sergipe-SE – Muitas chances e nada de gol em duelo direto pelo G4 da Série D


Alagoinhas, BA, 18 (AFI) – Atlético Alagoinha-BA e Sergipe-SE fizeram um jogo bastante movimentado na tarde deste domingo (18), no Estádio Carneirão, mas não saíram do empate sem gols, em jogo válido pela sétima rodada do Grupo 4 do Campeonato Brasileiro da Série D. Com isso, as duas equipes seguem na parte intermediária da tabela, com o Gipão dentro do G4 – zona de classificação para a próxima fase.

Com o resultado, o Sergipe-SE acabou caindo para a quarta colocação, com 11 pontos, já que o Retrô venceu o Itabaiana, por 2 a 1 e chegou aos 12, assumindo a quarta posição na tabela. Já o Atlético-BA segue estacionado na quinta posição, agora com sete pontos ganhos, quatro pontos longe da zona de classificação.

PRIMEIRO TEMPO
A partida começou bastante movimentada, com as duas equipes trocando passes no meio-campo e buscando espaço para chegar com perigo ao gol adversário. Logo aos 13 minutos, Elivelton arriscou um chute de fora da área e a bola saiu tirando tinta da trave, perdendo um boa chance de abrir o placar para o Sergipe. Aos 18, foi a vez de Paulinho ter uma oportunidade de colocar o time visitante à frente, mas o zagueiro Bremer salvou em cima da linha.

Depois disso, o ritmo do jogo caiu um pouco e o duelo só voltou a esquentar nos minutos finais. Aos 43, depois de uma cobrança de falta rápida do Sergipe, Luizinho ficou cara-cara gol com o goleiro Fábio, mas chutou para fora. A resposta do Atlético-BA veio em duas chances. Aos 44 com Robert, que chutou por cima do gol e aos 49, em um arremate de Jeam, que Igor Rayan defendeu. Por isso, o primeiro tempo terminou com o empate sem gols.

SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, o duelo seguiu equilibrado, mas nenhuma das duas equipes abdicaram de atacar. Aos 10 minutos, depois de um cruzamento na área, Robert chegou finalizando de primeira, mas mandou para fora, perdendo uma boa chance para o Atlético-BA. Minutos depois, aos 17, foi a vez do Sergipe ter uma boa chegada, dessa vez com Paulinho, mas ele parou em uma bela defesa de Fábio.

A partir daí, o ritimo da partida caiu um pouco e as principais chances passaram a sair de bolas paradas. Aos 25 minutos, Júnior Lima cobrou uma falta para o Sergipe da intermediária, soltou o pé e parou em uma boa defesa de Fábio. Nos minutos finais, a partida seguiu movimentada, mas apesar da pressão, nenhum dos dois times conseguiu balançar as redes e por isso, empataram sem gols.


Fonte: Futebol Interior