Atlético-GO x América-MG – Colar na parte de cima ou escapar do rebaixamento?


Goiânia, GO, 30 (AFI) – Em momentos opostos, Atlético Goianiense e América Mineiro se enfrentam neste domingo, às 20h30, no estádio Antônio Accioly, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. O primeiro tenta chegar no G-6, enquanto outro fugir da zona de rebaixamento.

Após vencer o Santos, na Vila Belmiro, por 1 a 0, o Atlético chegou aos 18 pontos e entrou na briga pelo G-6. O time goiano tem feito uma campanha regular, se mantendo longe da zona de rebaixamento, o principal objetivo no ano.

O América, por sua vez, não vive um bom momento. O time mineiro vem de quatro tropeços consecutivos e tem apenas dez pontos. Ainda está longe das atuações do ano passado, quando conseguiu o acesso.

COMO VEM O DRAGÃO?

O Atlético-GO terá um desfalque importante para o duelo de domingo. O técnico Eduardo Barroca não poderá contar com o goleiro Fernando Miguel, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, Maurício Kozlinski deverá ganhar uma oportunidade entre os titulares.

Atlético-GO x América-MG se enfrentam neste domingo

A tendência é que Barroca aposte na mesma equipe que bateu o Santos, com exceção de Fernando Miguel. No ataque, uma dúvida. Arthur Gomes e André Luís estão em alta e podem ganhar opção.

“Agora é virar a chave. Vamos conversar entre a comissão técnica para definir a melhor formação para encarar o América. Temos jogos importantes pela frente, incluindo um jogo eliminatório na próxima semana. Vamos tentar fazer o melhor para seguir na parte de cima”, falou Barroca.

E O COELHO?

Do outro lado, o técnico Vagner Mancini poderá repetir a equipe que vem sendo usada nas últimas rodadas. O treinador tem a opção do lateral Patric, que chegou após deixar o Sport. O jogador briga por posição com Diego Ferreira entre os titulares.

Outro que poderá reforçar a equipe é Ademir. Apesar de estar sendo cotado por outros clubes, o atacante quer ser útil no América Mineiro e poderá novamente ser utilizado por Vagner Mancini. No último jogo, o ataque teve: Felipe Azevedo, Fabrício e Chrigor.

“Quando analisamos os últimos jogos, a gente lamenta ter perdido para o Sport em casa. Uma vitória diante do Sport e um empate contra o Grêmio seria muito bom, mas a derrota acaba pesando esses cálculos. Mas precisamos nos reerguer para sairmos logo dessa situação”, falou Vagner Mancini.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior