Cidade dá prazo para retirada de cartão de Auxílio de R$ 200


A cidade de Palmas, no Tocantins, anunciou nesta terça-feira (20) que está com um certo problema em seu Auxílio Emergencial. Trata-se, no entanto, de uma situação inusitada. É que pessoas que fizeram a solicitação do benefício não estão indo pegar os cartões do recebimento. E esse dinheiro pode acabar voltando.

De acordo com a Prefeitura da cidade, cerca de 1,6 mil pessoas que solicitaram o benefício passaram pela aprovação. O Governo Municipal, então, confeccionou o cartão com o nome de todos esses usuários. No entanto, dias depois do início das entregas, esses cidadãos não foram pegar o dinheiro em questão.

Para tentar apressar esses cidadãos, a Prefeitura decidiu criar um prazo para que esses beneficiários peguem os cartões. Quem não fizer isso até o próximo dia 6 de agosto vai ter uma suspensão na conta do Auxílio Municipal. E depois não vai conseguir reaver o dinheiro em questão. Portanto é melhor correr.

De acordo com a Prefeitura de Palmas, quem quiser tirar o cartão precisa fazer um agendamento prévio. Dá para fazer isso através do número (63) 3212-7001 ou ainda pelo endereço de e-mail cartaofamilia@palmas.to.gov.br. Essas duas opções são válidas para as pessoas que passaram pela aprovação no benefício.

A distribuição desses cartões está acontecendo na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes). No entanto, não adianta ir até o local sem antes fazer o agendamento. Quem não fizer vai acabar dando viagem perdida. Além disso, é preciso estar usando máscara para poder entrar no local.

Cartões

A Prefeitura de Palmas disse ainda que todas as pessoas precisam levar o RG e um comprovante de residência para pegar o cartão. Além disso, é importante levar uma caneta própria para evitar a contaminação pela Covid-19.

De acordo com as informações oficiais, esse Auxílio municipal da capital do Tocantins está pagando três parcelas de R$ 200. Isso é mais dinheiro do que muita gente está recebendo mensalmente na versão federal do programa.

Você Pode Gostar Também:

No caso do projeto de Palmas, as pessoas só podem usar a quantia em estabelecimentos que possuem cadastro com a Prefeitura. É por isso que o dinheiro funciona mais como um ticket. Com ele é possível comprar diversos alimentos e produtos essenciais.

Auxílios

Não é apenas o Auxílio de Palmas que está passando por alguns problemas. De acordo com informações oficiais, vários outros benefícios estaduais e municipais também estão apresentando críticas duras da população.

Chama atenção também, por exemplo, a situação do Auxílio Emergencial estadual do Rio de Janeiro. De acordo com informações de bastidores, várias pessoas estão relatando atrasos nos pagamentos do programa em questão.

Planalto

Na versão federal, a grande novidade é mesmo o anúncio da prorrogação do projeto. Agora, os repasses deverão seguir até, pelo menos, o próximo mês de outubro. Pelo menos essa é a ideia do Ministério da Economia até aqui.

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que esse prazo pode se esticar por mais alguns meses. Tudo vai depender do desenvolvimento da pandemia do novo coronavírus daqui para frente.

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos