Clube carioca desmente aposentadoria do goleiro Bruno: ‘Salário em dia’


São Gonçalo, RJ, 14 (AFI) – O goleiro Bruno afirmou, em entrevista ao canal “Nação Urubu 81”, que está aposentado dos gramados e que focará em ser investidor. O Atlético Carioca-RJ, entretanto, logo soltou nota oficial, afirmando que o jogador tem contrato até o fim do Campeonato Carioca Série C, em agosto, e que seu salário está ‘rigorosamente em dia’.

NOTA DO CLUBE:

“Alguns meios de comunicação noticiaram mais uma vez sobre a aposentadoria do goleiro Bruno após uma entrevista do mesmo no YouTube.

Vale lembrar que o atleta tem contrato até o final do campeonato carioca série C e seu salário está rigorosamente em dia.

O atleta está à disposição do treinador Matheus Kabrini e poderá ser relacionado para próxima partida normalmente. Lamentamos o mal entendido e estamos a disposição para esclarecimentos aos nossos seguidores!

Flamengo encerra preparação para duelo com Defensa y Justicia na Libertadores:

Na entrevista, Bruno garantiu que recusou propostas e que não está mais seguindo a carreira de jogador.

“Depois que anunciei minha suposta aposentadoria, uma pessoa me procurou e falou de um projeto bacana. Eu disse que eu não queria mais saber do futebol, porque iria atrapalhar meus estudos. Surgiram outras propostas, até de um clube de Alagoas, outro de Fortaleza e Londrina para disputar a série B. Eu optei em não mais seguir na carreira”.

TRAJETÓRIA MARCADA

Desde que deixou a prisão, Bruno tentou jogar futebol. Mas vários clubes desistiram dele após sofrerem pressão.

Ex-goleiro do Flamengo, Bruno defendeu o Rio Branco Futebol Clube, do Acre, na Série D do Brasileiro do ano de 2020. Ele está solto, porém, em regime semiaberto desde julho de 2019.

Isso porque cumpriu – oito anos – parte da pena de mais de 22 anos prisão pela morte da modelo Eliza, mãe de seu filho. Este crime ocorreu em 2010 e a condenação em 2013.


Fonte: Futebol Interior