Com dedo do treinador, Bahia vence mais uma e mantém boa fase


Salvador, BA, 05 (AFI) – Bahia consegue sua segunda vitória longe de seus domínios e sem sofrer gols, mérito que foi muito comemorado pelo seu técnico, Dado Cavalcanti, já que nos últimos dois jogos o time sofreu sete gols. Último jogo da equipe no campeonato foi contra o time da Chapecoense e o Tricolor de Aço garantiu a vitória por 2 a 0.

Para Dado, o fato de não ter sido vazado na partida contra a Chape, pode trazer mais confiança para seus jogadores.

Qualquer resultado favorável traz confiança, mas eu acho que o mais importante da retomada da confiança está no momento do jogo que nós fomos muito mal contra o América Mineiro e que hoje fomos muito bem, que é a transição defensiva.

Continuamos com a posse, colocando o adversário no campo dele, empurrando-os e tomando contra-ataques, mas hoje conseguimos neutralizar. A Chapecoense teve muita dificuldade na saída, porque exercemos uma pressão após perder a posse. Para mim foi fundamental para o resultado e a performance do jogo anterior tenha sido ruim.

Dado Cavalcanti

MARCAÇÃO

Treinador ainda elogiou o sistema de marcação que sua equipe implantou durante o jogo, fundamental para vitória e o motivo que o deixou mais feliz.

“A perda de bola acontecia, mas estávamos muito mais equilibrados para tomar a bola rapidamente. Isso para mim foi uma evolução muito grande, visto o que apresentamos no jogo passado”.

RODRIGUINHO E GILBERTO

Dado Cavalcanti também vem sendo questionado sobre a sequência de Rodriguinho no time titular e o craque do time, Gilberto que ficou no banco na última partida.

“O feedback do Rodriguinho é muito positivo em todos os aspectos. Dos jogadores de frente é o que alcança o maior volume de corridas, em número de sprints obviamente não é o principal dele, isso faz com que em alguns momentos ele perca um pouco. Mas o mais importante é o feedback pós-jogos, o nível de recuperação que ele tem tido nos pós-jogos.

Gilberto às vezes até gosta, até prefere essa condição, porque segundo ele consegue visualizar as deficiências do adversário e ao entrar, vindo do banco de reservas, achar os espaços mais facilmente”

PRÓXIMO CONFRONTO

A equipe do Bahia voltará a campo, nesta quarta-feira contra o Juventude, Às 18h no estádio Pituaçu.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior