Dê play e aumente o som: confira lançamentos musicais do mês de julho


Chegou o momento dos amantes de música de plantão! O iBahia reuniu os principais lançamentos musicais do mês de julho, para que você fique por dentro das novidades. Confira:

Não teve dó (Léo Santana, MC Davi)

A canção composta por Léo Santana e MC Davi propõe uma mistura de trap, funk, rap e pagodão, com ritmo envolvente e totalmente dançante, uma forte característica dos dois cantores. O videoclipe do single está disponível no canal do Youtube do Gigante, produzido em ambiente urbano para exaltar expressões e linguagens no estilo street.

 

EP “Diferente dos Diferentes” (Nattan)

O novo EP lançado pelo cantor Nattan, nesta quinta-feira (22), conta com três músicas inéditas: “Confiei em Ti”, “Sentada Desapegada” e “Diferente das Diferentes”. 

O destaque fica por conta da faixa que leva o nome do EP, com composição de Cristian Bell, Cristian Luz, Matheus Kenedy e Barto. “Diferente das Diferentes” ganhou um clipe nesta sexta-feira (23), no canal oficial do cantor no Youtube.

Bora Voltar (Emerson & Jean e Léo Chaves)

A faixa “Bora Voltar” foi lançada pela dupla Emerson & Jean com Léo Chaves, nesta sexta-feira (23). A música faz parte do projeto intitulado Emerson & Jean “No 12” e foi composta por Paulinha Gonçalves, Kito e Dani Lima. 

O clipe, disponível no canal da dupla, foi gravado de maneira intimista em uma fazenda próxima a Uberlândia, Minas Gerais. 

Tico-tico no Fubá (Anná)

A releitura da cantora Anná de “Tico-tico no Fubá”, composição de Zequinha de Abreu (1917), traz uma nova roupagem para o hit conhecido na voz de Carmen Miranda. A faixa mistura o pagodão baiano e o chorinho tradicional e conta com a produção musical Ubunto.

O cantor e compositor Lucas Baha lançou o single e o videoclipe “Tua Cara”. A música tem influências do reggaeton e trap, com um toque sutil de forró tradicional. Além disso, a canção fala sobre um casal que vive um relacionamento aberto. 

Eu Precisava Voltar Com A Folhinha (Cesar MC)

Cesar MC lançou o primeiro single do seu primeiro álbum “Eu precisava voltar com a folhinha”, descrito como uma carta-canção sobre toda a trajetória do rapper até aqui. A canção fala sobre a sua persistência na música sendo um jovem negro de periferia.

O cantor e compositor Neves Iced inaugurou a sua carreira solo com o single “VVS+”, lançado nesta quinta-feira (16). A canção é a primeira música a fazer parte do novo álbum – cujo título ainda está em segredo – e vai concretizar o trabalho feito pelo artista.

“É a primeira vez que falo sobre isso, mas estou organizando o álbum para vir na sequência das músicas e vou poder dar ao meu público o que eles tanto pedem que são os lançamentos que guardo há um tempo”, revelou Neves.

*Sob supervisão da repórter Cláudia Callado





Fonte: iBahia