Gabriel Medina afirma que sem Yasmin Brunet não estará 100% nas Olimpíadas



Gabriel Medina segue inconformado com o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) por não ter liberado uma credencial para Yasmin Brunet, sua esposa. Ao UOL, o surfista afirmou que é a modelo quem “dá força” a ele.

“É chato, não estou indo 100%. É ela quem me dá força e eu gosto de estar junto dela”, disse Medina ao site antes de embarcar para Tóquio.

Yasmin acompanhou o marido no embarque para os Jogos e minimizou a declaração dele. “Ele vai estar 100%, com certeza absoluta”.

Cada surfista brasileiro classificado para a Olimpíada tinha direito a levar um treinador. Como Yasmin não tem ligação com o esporte, ela foi vetada do staff de Medina. Por conta da pandemia, o Japão não está recebendo turistas durante a competição, por isso a modelo teve que ficar no Brasil e torcer de longe. 





Fonte: iBahia