Grêmio 1 x 1 Internacional – Na reestreia de Felipão, faltou futebol e gols no Grenal


Porto Alegre, RS, 10 (AFI) – O Grenal deste sábado na Arena do Grêmio foi o resumo da campanha das duas equipes até o momento. Com poucas chances de gol e muita pobreza criativa, Grêmio e Internacional ficaram no empate sem gols na tarde deste sábado, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A partida marcou a estreia do técnico Luiz Felipe Scolari no Grêmio. O Internacional esteve um pouco melhor em campo, mas parou nas defesa do jovem goleiro Gabriel Chapecó.

Grêmio segue na lanterna, agora com três pontos pontos e ainda se vitória na competição. Já o Inter é o 14º colocado, com 11 pontos. O Colorado não vence há cinco jogos no Brasileirão e fica mais um clássico sem quebrar o tabu de sete anos sem vencer o Grêmio na Arena, onde tem apenas uma vitória.

O JOGO
Coletivamente e individualmente, o Internacional foi melhor no primeiro tempo. Comandado por Taison, o time colorado se mostrou mais inteiro no jogo e chegou ao ataque com mais qualidade e mais poder de decisão.

O goleiro Gabriel Chapecó trabalhou mais do que Daniel no primeiro tempo. No começo do jogo, Gabriel evitou gol em chute de Yuri Alberto e depois fez excelente defesa em conclusão de Taison.

O Internacional encontrou bastante espaço na defesa gremista, mas não aproveitou no primeiro tempo.

O Grêmio pouco chegou ao gol de Daniel e abusou muito das bolas longas e na pouca inspiração do seu setor ofensivo, principalmente Douglas Costa, que ainda não ‘estreou’ desde que voltou da Europa.

ETAPA FINAL
O Grêmio voltou melhor do que no primeiro tempo. Aos dez minutos, usando a velocidade, chegou com perigo com Diego Souza.

A partida, porém, foi fraca tecnicamente no segundo tempo, resumo da campanha das duas equipes na competição. Poucas alternativas táticas dos dois lados e uma pobreza de criação. Os dois times apresentaram poucas jogadas individuais, arriscarem poucos chutes de longe e fizeram pouco para quebrarem a marcação adversária.

Se depender do clássico deste domingo, falta muito para as duas equipe saírem da situação que se encontram na competição.

O Internacional foi quem criou mais, mas parou no goleiro Gabriel Chapecó, que parou o atacante Yuri Alberto duas vezes. NO final, ele salvou o time em chute de Patrick.

PRÓXIMOS JOGOS

O Grêmio joga no sábado (17) contra o Fluminense, às 21h, no Maracanã, enquanto o Internacional entra em campo no domingo no Beira-Rio contra o Juventude, às 20h30.


Fonte: Futebol Interior