Internacional 1 x 0 Juventude – Colorado vence duelo gaúcho, acaba com jejum no Beira-Rio e se reabilita no Brasileirão


Porto Alegre, RS, 18 (AFI) – No duelo gaúcho, que fechou as disputas deste domingo (18) da 12ª rodada do Brasileirão, o Internacional conseguiu acabar com um jejum de vitórias dentro de casa. Depois de ficar oito jogos sem vencer no Beira-Rio, o time colorado recebeu e venceu o Juventude, pelo placar de 1 a 0. Em uma partida bastante equilibrada, Thiago Galhardo marcou, de cabeça, o gol da vitória no começo do segundo tempo. Do outro lado, quando esboçava uma reação, o alviverde teve Guilherme Castilho expulso por uma cotovelada.

Com o resultado, o Internacional chegou aos 14 pontos e agora aparece na 13ª colocação. Em 12 jogos disputados no Brasileirão, o colorado venceu três, empatou cinco e perdeu quatro. Já o Juventude chegou a quatro jogos sem vitória e estacionou nos 13 pontos, vindo logo atrás do adversário na 14ª posição.

CONFIRA O GOL DO JOGO EM PARCEIRA COM A DAZN

PRIMEIRO TEMPO
Jogando em casa, o Internacional dominou boa parte do primeiro tempo, tendo mais posse de bola e criando as melhores chances para abrir o placar. Com uma boa dinâmica e infiltrações pelos lados do campo, o time colorado criou a primeira oportunidade clara de gol aos 17 minutos. Thiago Galhardo ganhou dos zagueiros e tocou para Taison, que ficou de frente para o gol, mas o goleiro Marcelo Carné conseguiu fazer a defesa à queima roupa.

Mesmo apagado na partida, o Juventude conseguiu responder e chegou a balanças as redes, mas depois do lance ser analisado pelo VAR, o gol foi anulado. Aos 31 minutos, Wescley tentou fazer um gol olímpico, porém quando a bola já estava entrando, Rafael Forster escorou para o gol, mas a bola acabou batendo no braço do jogador. Nos minutos finais, o duelo seguiu movimentado, mas o primeiro tempo terminou empatado sem gols.

SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, o Internacional foi para cima e enfim conseguiu abrir o placar aos cinco minutos, com um golaço. Heitor cruzou na medida para Thiago Galhardo, que testou firme, sem chances para o goleiro adversário, que nada pode fazer. Depois do gol, os donos da casa cresceram ainda mais na partida e teve mais duas boas chances para ampliar, a primeira com o próprio Galhardo e a outra com Taison.

Do outro lado, o Juventude acabou se desesperando e perdendo a cabeça. Tanto que aos 33 minutos, depois de revisar um lance no VAR, o árbitro viu uma cotovelada de Guilherme Castilho no adversário e expulsou o meio-campista. Com um jogador a menos, o time alviverde se fechou na defesa e tentou responder em contra-ataques rápidos. Já o Inter teve chances para ampliar, mas não aproveitou. Por isso, o duelo terminou mesmo com a vitória dos donos da casa por 1 a 0.


Fonte: Futebol Interior