Juventude 1 x 0 Chapecoense – Cada vez mais perto da Série B


Caxias do Sul, RS, 26 (AFI) – O martírio da Chapecoense para não ter fim. Na noite desta segunda-feira, pela 13ª rodada do Brasileirão, o time catarinense perdeu para o Juventude, por 1 a 0, no Estádio Alfredo Jaconi, e segue afundado na lanterna.

Único time que ainda não ganhou no campeonato, a Chapecoense tem apenas quatro pontos e por isso amarga a lanterna. Já o Juventude encerrou um jejum de quatro partidas e se distanciou da zona de rebaixamento, aparecendo em 12º lugar, com 16 pontos.

GOL RELÂMPAGO
O Juventude precisou de apenas quatro minutos para abrir o placar no Alfredo Jaconi. Paulo Henrique escapou em velocidade pela direita e cruzou para Matheus Peixoto desviar de cabeça. Esse foi o sétimo gol do atacante no Brasileirão.

Sem tirar o pé do acelerador, o Juventude seguiu em cima da Chapecoense e quase ampliou em chute de Marcos Vinícius. A bola desviou na barreira e saiu. Aos 21, o atacante arriscou da entrada da área e mandou por cima do travessão. O Verdão do Oeste tinha muitas dificuldades para criar.

Aos 39 minutos, a Chapecoense desceu em velocidade, mas Léo Gomes pegou muito embaixo da bola na hora da finalização e isolou. Incomodados com a situação na tabela, os jogadores do clube catarinense mostravam muito nervosismo. Já nos acréscimos, João Paulo evitou o segundo gol do Juventude ao espalmar chute de Wescley.

SE SEGUROU
A Chapecoense voltou com uma postura mais ofensiva e deu a primeira finalização logo aos dez segundos. Perotti recebeu dentro da área, mas bateu fraco nas mãos de Marcelo Carné. Na sequência, Anderson Leite arriscou de longe e o goleiro do Juventude defendeu em dois tempos.

Sem conseguir ficar com a bola nos pés, o time gaúcho era encurralado pela Chapecoense, que precisava acertar o último passe para buscar pelo menos o empate. O jeito foi apostar na bola aérea. Fernandinho cruzou, Perotti cabeceou e a bola saiu por cima.

No finalzinho do primeiro tempo, o Juventude chegou a ampliar, mas o gol foi anulado pelo VAR. Bruninho chutou, a bola desviou em Chico e entrou. O problema é que a bola acertou o braço do meio-campista alviverde.

PRÓXIMOS JOGOS
O Juventude enfrenta o Fluminense, fora de casa, pela 14ª rodada, mas a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não definiu a data. A Chapecoense, por sua vez, recebe o Santos, no próximo domingo, às 18h15, na Arena Condá, em Chapecó.


Fonte: Futebol Interior