La Casa de Papel: descubra como usar o seriado na redação!


La Casa de Papel: como usar na redação?

A série La Casa de Papel, original Netflix, fez um enorme sucesso em todo o mundo. Assim, que tal aproveitar o seu apreço pelo seriado e utilizá-lo como um repertório para a redação?

Isso mesmo! É perfeitamente possível utilizar uma série atual e relevante como La Casa de Papel como um repertório dentro da sua redação. 

Vamos conferir, a seguir, mais informações sobre o seriado e sobre os possíveis usos do mesmo na redação.

La Casa de Papel: um repertório atual e original 

Na série, o Professor, protagonista da trama, atua como o líder de um grupo de assaltantes. Ele cria um plano detalhado e ambicioso que envolve oito criminosos por ele conhecidos. 

O plano consiste em invadir a Casa da Moeda espanhola, com o objetivo de esvaziar os seus cofres. 

Confira, a seguir, alguns dos temas nos quais você pode inserir La Casa de Papel como repertório.

A concentração de renda

Você Pode Gostar Também:

Um dos temas centrais de La Casa de Papel é a concentração de renda nas mãos de muito poucos dentro da sociedade. 

É justamente por esse motivo que os criminosos se sentem no direito de roubar o dinheiro que está guardado nos cofres públicos. Ainda, é com base nessa justificativa também que muitos indivíduos se solidarizam com os assaltantes ao longo da série, especialmente após eles decidirem distribuir quantias de dinheiro pelas ruas espanholas. 

A desigualdade entre os gêneros

La Casa de Papel aborda o problema da desigualdade entre os gêneros a partir de duas perspectivas diferentes. Isso porque, esse problema afeta tanto as mulheres que fazem parte do grupo de assaltantes quanto a inspetora Raquel, que trabalha para a polícia. 

Assim, você pode inserir o seriado como um repertório em temas que se relacionam aos seguintes tópicos:

  • Machismo 
  • Desigualdade entre os gêneros
  • Violência contra a mulher na sociedade atual (caso de Raquel)

A desigualdade social 

A série mostra, em diversos momentos, flashbacks do passado de cada um dos assaltantes, com o objetivo de retratar os contextos vulneráveis em que os mesmos viviam e que, possivelmente, contribuíram para que esses se tornassem criminosos. 

Dessa maneira, o seriado pode ser utilizado como um repertório em temas de redação que abordem a desigualdade social e o papel da mesma nos índices de criminalidade.

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos