Mesmo no G4, técnico pede demissão de time da Série D por ‘problemas pessoais’


São Luis, MA, 20 (AFI) – Apesar de estar na briga pelo G4 do Grupo 2 e com apenas uma derrota em sete jogos disputados até aqui no Campeonato Brasileiro da Série D, o Imperatriz-MA será obrigado a fazer mudanças na comissão técnica. Isso porque, na noite desta segunda-feira (20), o técnico Mirandinha alegou problemas particulares e pediu demissão do cargo.

“Por um problema pessoal eu vou ter que me afastar. Com muita tristeza, pois fiz do Imperatriz a minha família. Quero deixar claro que não existe proposta de outro lugar, mas sim uma situação familiar pessoal”, disse o ex-comandante.

Já o Imperatriz divulgou uma nota oficial confirmando a saída de Miradinha e desejou sucesso ao profissional. “A Sociedade Imperatriz de Desportos vem por meio desta nota, informar que o treinador Mirandinha devido à problemas pessoais, optou por não continuar à frente da comissão técnica do Cavalo de Aço. Agradecemos por seu profissionalismo, empenho e dedicação durante sua passagem pelo Imperatriz, e pela bela campanha que fez durante esse período. Desejamos sucesso em sua caminhada pessoal e profissional. Valeu, professor!”.

Mirandinha estava à frente do Imperatriz desde o começo da Série D. De lá para cá, foram sete jogos, duas vitórias, quatro empates e apenas uma derrota. Ele deixa a equipe na terceira colocação da chave com 10 pontos ganhos. Agora, a diretoria do clube maranhense trabalha para anunciar o nome do novo comandante. O próximo jogo será no sábado (24) contra o Tocantinópolis.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior