Motorista que atropelou e matou servidora pública é autuado por homicídio culposo





O delegado Hugo Vasconcelos confirmou nesta terça-feira, 27, que o motorista que atropelou e matou a servidora pública Jenilda Bento da Silva, 39 anos, foi autuado pelos crimes de homicídio culposo e embriaguez ao volante. O acidente aconteceu quando a vítima fazia uma caminhada na BR 316, em Dois Riachos, no Sertão de Alagoas. LEIA…

O delegado Hugo Vasconcelos confirmou nesta terça-feira, 27, que o motorista que atropelou e matou a servidora pública Jenilda Bento da Silva, 39 anos, foi autuado pelos crimes de homicídio culposo e embriaguez ao volante. O acidente aconteceu quando a vítima fazia uma caminhada na BR 316, em Dois Riachos, no Sertão de Alagoas. LEIA MAIS AQUI

O Procedimento já foi concluído e enviado ao Poder Judiciário e também à Delegacia de Dois Riachos para que seja acompanhado pelo delegado titular do município. Quando ao motorista, continua preso aguardando audiência de custódia.

A primeira informação que chegou à imprensa foi de que o motorista era um secretário do município de Santana do Ipanema. O delegado se limitou a dizer que o condutor estava embriagado, fato este confirmado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), e que havia no interior do veículo garrafas de bebida alcoólica. Veja vídeo abaixo:

 

 

 

Fonte: Alagoas24horas