26.6 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Santos 0 x 1 Atlético-GO – Peixe domina, mas Dragão faz a festa na Vila Belmiro


Santos, SP, 25 (AFI) – O Santos tentou de todas as formas, mas acabou sendo derrotado pelo Atlético Goianiense por 1 a 0, na noite deste domingo, em plena Vila Belmiro, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time paulista conheceu seu terceiro tropeço consecutivo.

Com o resultado, o Santos acabou caindo para a 11ª colocação, com apenas 16 pontos, cinco da zona de Libertadores. O Atlético, por sua vez, chegou a 18, flertando com uma vaga no torneio continental.

DRAGÃO NA FRENTE!

Santos e Atlético fizeram um primeiro tempo movimentado, com boas oportunidades de ambos os lados. O time goiano, no entanto, conseguiu abrir o placar aos 19 minutos. Zé Roberto acionou Baralhas em velocidade. O volante invadiu a área e foi derrubado por João Paulo, pênalti. O próprio Zé Roberto bateu para fazer 1 a 0.

Santos perde para o Atlético-GO na Vila

Após o gol, o Santos cresceu, mas sentiu dificuldade em criar boas oportunidades de gol. A pressão foi mesmo no fim. Madson cabeceou para um milagre de Fernando Miguel. Logo na sequência, Marinho cruzou para Felipe Jonatan, que mandou na trave. No entanto, o time goiano se segurou como pôde para levar a vantagem para o intervalo.

SEGUROU!

O início do segundo tempo foi um atropelo do Santos. O time paulista tentou por cima, pelos lados, de fora da área, mas não conseguiu estufar as redes. Marcos Guilherme perdeu grande oportunidade ao chutar para fora. Quando a equipe alvinegra acertou o alvo, Fernando Miguel apareceu para salvar os goianos.

O Santos montou a blitz na defesa do Atlético e começou a perder uma chance atrás da outra. Kaio Jorge viu Wanderson salvar o Atlético. Já aos 20 minutos, Marinho acertou um bonito chute no travessão. A bola sobrou para Sánchez, que chegou a marcar, mas o lance acabou sendo anulado pela arbitragem: impedimento.

O Atlético não ficou assistindo e também mandou uma bola no travessão, com Ronald. Aos 35 minutos, Arthur Gomes saiu na cara de João Paulo e parou na grande defesa do goleiro santista. Apesar de ter menos da metade de posse de bola do adversário, o time goiano também arriscava.

Nos minutos finais, Fernando Diniz foi para ousadia. Tirou os  dois laterais e colocou dois atacantes. No entanto, com tantos jogadores de frente, o Santos não conseguiu produir e acabou sendo derrotado na Vila Belmiro.

PRÓXIMOS JOGOS

Na próxima rodada, o Santos enfrenta a Chapecoense, no domingo, às 18h15, na Arena Condá, em Chapecó (SC). No mesmo dia, às 20h30, o Atlético recebe o Fortaleza, no Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Confira também:





Fonte: Futebol Interior