Série B: Ex-meio-campista do Cruzeiro aciona o clube na Justiça por dívida de R$3 milhões


Belo Horizonte, MG, 7 (AFI) – Vivendo momento ruim dentro de campo, fora dele as coisas estão piores ainda. O Cruzeiro recebeu outro processo, dessa vez foi o meio-campista Robinho. O atleta está cobrando R$3 milhões do clube por dívidas que não foram pagas quando ele rescindiu com o clube.

Uma audiência foi marcada para o próximo dia 27.

NÃO CUMPRIU O ACORDO

Quando ele saiu do clube, em agosto de 2020, a Raposa ficou devendo R$2 milhões e disse que pagaria em três parcelas a partir de abril deste ano, o que não foi feito. Agora o jogador cobra o valor da primeira dívida mais juros.

O valor exato é de R$3.086.564,60.

OS VALORES

R$2.009.567,91 (atualizado até a presente data, conforme planilha de cálculo em anexo) por condenação do Réu no pagamento do valor líquido de R$1.792.348,86, atualizado pelo índice IGPM-FGV e com juros de mora de 1% ao mês a contar do inadimplemento, até a data do efetivo pagamento, acrescido ainda de multa moratória de 10% sobre o total do valor devido, cujo montante devido deverá ser apurado na fase de liquidação por cálculos.

R$326.706,00 por condenação do Réu no pagamento da multa do artigo 477 da CLT.

R$347.695,43 por condenação do Réu no pagamento da multa do artigo 467 da CLT.

R$402.595,30 por condenação do Réu no pagamento de honorários de sucumbência no percentual de 15% sobre o valor da condenação, e, sucessivamente, em outro percentual a ser arbitrado por esse MM. Juízo


Fonte: Futebol Interior