29.6 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Série C: Novo comandante inicia difícil trabalho para tirar o Paraná-PR da má fase


Curitiba, PR, 28 (AFI) – Silvio Criciúma chegou com tudo no Paraná-PR. Logo na apresentação, falou que até Tite não seria aceito por parte da torcida, após ser criticado por alguns nas redes sociais. Agora, já conversa sobre o que precisa mudar no time para engatar uma boa sequência no segundo turno do Campeonato Brasileiro Série C.

O Paraná está em sétimo no Grupo B empatado em pontos com o vice-lanterna São José-RS. Na semana anterior, Maurílio Silva foi demitido por conta da péssima campanha de cinco derrotas e apenas duas vitórias em oito jogos. Na última rodada, o auxiliar Jorge Ferreira comandou o time no empate em 1 a 1 com o Oeste-SP, fora de casa.

URGÊNCIA

O Tricolor tem oito pontos e o Ituano-SP, que abre o G4, o dobro (16). A notícia boa, se dá para considerar assim, é a quantidade de rodadas. O returno começa neste sábado e o Paraná só entra em campo na segunda-feira (2).

“Precisamos urgentemente reverter a situação geral, de pontuação, de números de gols marcados e sofridos, para que a gente tenha um aproveitamento melhor no returno. quele que conseguir desgarrar dos cinco de baixo pode encostar nos de cima e brigar pela classificação. Esse é o nosso objetivo.”

DEFESAS SALVAM REBAIXAMENTO

Não, o mantra não é esse, mas o treinador Silvio Criciúma fez a releitura. Se defesas vencem campeonato, com certeza, salvam rebaixamento. O Paraná é o time com mais gols sofridos do Grupo B, ao lado do Mirassol, com 12.

“Quando uma equipe não tem os melhores resultados é porque provavelmente está tomando mais gols do que está fazendo. Esse ajuste é necessário de trás para frente, até para que toda a equipe tenha mais confiança. Eles precisam dessa consistência, dessa segurança, para os meias e atacantes produzirem as jogadas ofensivas.”

PRÓXIMA RODADA

A recuperação, porém, pode não vir de cara. Silvio Criciúma estreia pelo Paraná “apenas” contra o líder Ypiranga-RS. Apesar de ser em casa, no Durival Brito, difícil encontrar vantagens no duelo da noite de segunda-feira, às 20 horas.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior