Águia Negra-MS 2 x 6 Rio Branco-ES – Visitante entra muito mais ligado e surpreende no Ninho da Águia


Rio Brilhante, MS, 23 (AFI) – A 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Série D acabou nesta segunda-feira com um jogo que não inspirava tanta confiança. Águia Negra-MS e Rio Branco-ES já não brigam pela classificação e só cumpririam tabela, no Ninho da Águia. Os visitantes, porém, entraram com tudo e aproveitaram a falta de empenho dos mandantes para vencer por 6 a 2.

Os gols do Águia Negra foram marcados por Everton Canela e Bruno. O Rio Branco, balançou as redes com Gil Mineiro duas vezes de pênalti, Sanchez duas vezes, mas não de pênalti, Vinícius e Marcos Paulo.

Os donos da casa continuam na vice-lanterna (7°) do Grupo A6 com seis pontos, dois acima do Patrocinense-MG. O Rio Branco, na sexta colocação, somou 12 e, a duas rodadas do término da Fase Grupos, está a sete do quarto Uberlândia-MG.

QUEM DIRIA

Muitos esperavam uma partida fria, sem grandes jogadas e emoção. Logo no início, porém, os times quebraram a cara dos torcedores. Everton Canela, aos 8 minutos, abriu o placar em chutaço na ponta da área.

Pouco tempo depois, aos 15, Gil Mineiro cobrou o primeiro pênalti no duelo e guardou para empatar. O Rio Branco empolgou e tomou conta das ações. Em seis minutos, marcou mais duas vezes. A bola ficou viva na área depois do escanteio e Vinícius fez questão de colocar para dentro, aos 33.

Aos 38, a defesa do Águia Negra bobeou na saída e Sanchez não perdoou. Recebeu belo passe de Lucas e ampliou. Antes do intervalo, foi “só”. Quatro gols para quem esperava um jogo morno… Nada mal.

TENTOU VOLTAR…

A “surpresa’ continuou na segunda etapa. Aos 4 minutos, o atacante Sanchez comemorou de novo, desta vez, cabeceou com força. O Águia Negra tentou voltar para a partida. Aos 13, Bruno finalizou de fora da área, a redonda desviou e encobriu o goleiro Diogo Luiz. Sem chances.

A esperança durou pouco. Aos 18, Gil Mineiro teve mais um compromisso com a marca da cal e levou a melhor. Golpe fatal do Rio Branco, que ainda fechou a contagem no finalzinho, com Marcos Paulo.

O camisa 10 aproveitou novo erro na defesa do Águia Negra, cortou o zagueiro e com muita tranquilidade, só deslocou o goleiro Rodrigo Calchi.

PRÓXIMOS DUELOS

Na penúltima rodada, o Águia Negra enfrenta o lanterna Patrocinense, às 16 horas do domingo (29), no Pedro Alves. O Rio Branco recebe, no Kleber Andrade, o Uberlândia, às 15 horas do sábado.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior