Aparecidense-GO 4 x 1 Goianésia-GO – Dupla Samuel e Marinho entra no segundo tempo e resolve a parada


Aparecidense, GO, 21 (AFI) – O Aparecidense-GO é o primeiro classificado no Grupo A5 para a próxima fase do Campeonato Brasileiro Série D. O Camaleão bateu o Goianésia-GO, de virada no Aníbal Toledo, por 4 a 1 com gols de Alex Henrique, Samuel (duas vezes) e Robert, na segunda etapa. Thiago Rubim abriu o placar para o Azulão.

O Aparecidense chegou aos 25 pontos e segue na liderança do Grupo, a sete pontos do Nova Mutum-MT, que enfrenta o Brasiliense-DF, no domingo, em casa. O Goianésia, primeiro fora do G4, em quinto, estaciona nos 17 e já não alcança o próprio Aparecidense. O quarto é o Brasiliense, também com 17.

MARCOS PAULO ABALA OS DONOS DA CASA

O Aparecidense não teve tempo para se impor no começo e viu, aos 7 minutos, o Goianésia abrir o placar. Marcos Paulo pegou a segunda bola no meio de campo e lançou Thiago Rubim em velocidade.

A defesa do Camaleão estava organizada e não segurou o atacante que, na cara do Pedro Henrique, não perdoou e chutou de esquerda para balançar as redes. O gol desestabilizou o líder.

A posse de bola em excesso não se transformou em oportunidades para empatar e quem assustou mais, após a mudança no placar, foi o Goianésia. Principalmente com o garçom Marcos Paulo, pela esquerda.

A vantagem quase foi ampliada, quando ele fez grande jogada pela esquerda com Raphael Soares e recebe livre na área. O ângulo não era dos melhores e Marcos Paulo cavou por cima de Pedro Henrique. A força, porém, saiu além do necessário e a bola passou por cima.

INTERVALO DE OURO

A conversa no vestiário e as mudanças do treinador Thiago Carvalho transformaram a partida. O Aparecidense voltou para o campo muito melhor e, enfim, impôs o domínio esperado.

Aos 11 minutos, Samuel, que entrou na vaga de Filipe Trindade, cobrou o escanteio na área e a defesa do Goianésia bobeou. A bola ficou limpa, no alto, dentro da área, como todo centroavante quer e Alex Henrique representou com eficiência para deixar tudo igual.

Pouco tempo depois, o goleiro Artur foi essencial para evitar a virada. Fez uma grande defesa, no contrapé, em chute de Samuel. No rebote, Robert finalizou com força, mas Artur já estava posicionado para salvar o Goianésia.

Os visitantes não souberam como parar o Aparecidense e, aos 30, nem Artur foi capaz. Rafael Goiano deu um excelente lançamento para Samuel (sempre ele), na ponta esquerda da área. O atacante cortou para o meio, deixou o defensor no chão e colocou no cantinho, sem chances para o goleiro.

Foi o golpe fatal. O Goianésia, perdido em campo, ainda sofreu mais dois gols. Robert apareceu livre no segundo pau para completar o cruzamento de Marinho e Samuel recebeu passe também de Marinho, que foi o substituo de David e completou com o gol vazio.

PRÓXIMA RODADA

O Aparecidense tem a grande chance de confirmar a classificação contra o lanterna (8°) Gama-DF, no sábado (28), às 16 horas, novamente no Aníbal Toledo. O Goianésia, no mesmo horário, continua fora de casa e com adversários complicados. O Azulão visita o vice-líder, no momento, União Rondonópolis-MT, no Luthero Lopes.


Fonte: Futebol Interior