Após ser atacada, Andressa Urach afirma que apoiará Bolsonaro até o fim



Andressa Urach vem gerando polêmica nas redes sociais por causa de seu posicionamento político. Apoiadora declarada do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), a modelo voltou a usar seu perfil no Instagram para defendê-lo.

Em reposta aos recentes ataques na web, a ex-Miss Bumbum se manteve firme nas suas convicções. “Eu não vou me calar e aceitar meu país virar um comunismo! Os artistas na grande maioria tem medo de se posicionar a favor do Bolsonaro, com medo de perder empregos e fãs! Eu não quero fãs, o único que tem que ser adorado é Jesus”, começou dizendo.

Na sequência, a loira ainda reafirmou que irá apoiar o líder do país mesmo que discorde de alguns posicionamentos dele.

“Eu quero um país digno para meus filhos viverem. Bolsonaro pode falar algumas coisas que eu não concordo, mas ele tem valores cristãos e vou apoiar ele até o fim. E o cristão que fica calado, depois não reclama do que a esquerda quer fazer com o Brasil. Dica aos lacradores: Vão ler um pouco de história em vez de assistir tiktok”, afirmou.

E finalizou: “Essa geração precisava de pai e mãe para educar essas crianças! Papai e mamãe olhem o que seus filhos estão fazendo na internet!”, escreveu.

Veja:

Reprodução / Instagram
Reprodução / Instagram





Fonte: iBahia