Com ‘RibeRildo’, Seleção FI da 12ª rodada da Série C chega bastante eclética no 4-3-3


Campinas, SP, 16 (AFI) – A 12ª rodada da primeira fase, disputada no decorrer deste último final de semana, foi sem dúvidas uma das mais equilibradas deste Campeonato Brasileiro da Série C. Prova disso, é que metade dos dez jogos terminou empatado e consequentemente, a Seleção FI chegou bastante eclética, com destaque dos times que saíram vitoriosos e outros que mostraram bom futebol mesmo nas igualdades.

Um dos principais destaques ficou para o Criciúma-SC que desbancou o líder do Grupo B, Ypiranga-RS, e colocou dois representantes entre os melhores da rodada. Destaque para o técnico Paulo Baier que ajudou com que a equipe embalasse a segunda vitória seguida e se mantesse ‘firme e forte’ no G4. Os paulistas Mirassol, Ituano e Novorizontino também colocaram um representante cada entre os melhores da rodada.

CONFIRA A SELEÇÃO FI DA 12ª RODADA DA SÉRIE C:
Felipe Garcia (Tombense-MG);
Sávio (Botafogo-PB), Heitor (Volta Redonda-RJ), Luizão (Mirassol-SP) e Helder (Criciúma-SC);
Emerson (Ferroviário-CE), Léo Duarte (Ituano-SP) e Cléo Silva (Novorizontino-SP);
Rildo (Paysandu-PA), Flávio Torres (Floresta-CE) e Andrew (Figueirense-SC)
.
Técnico: Paulo Baier (Criciúma-SC).

CONFIRA A ATUAÇÃO DE CADA JOGADOR:
Goleiro:
Felipe Garcia (Tombense-MG) –
Se não fosse o goleiro Felipe Garcia, a Tombense não teria voltado com um ponto na bagagem pelo empate sem gols diante do Altos-PI, fora de casa, no Estádio Lindolfo Moneiro em Teresina. O camisa 1 do time mineiro fez pelo menos três defesas importantes que ajudaram demais para o resultado.

Lateral-direito:
Sávio (Botafogo-PB) –
É uma das principais armas do Belo até aqui na Série C do Brasileiro. No empate com o Volta Redonda, fora de casa, deu cruzamento perfeito para Juba abrir o placar. Não só foi importante no ataque como também na defesa.

Paysandu venceu o Jacuipense e colou no líder Botafogo-PB

Zagueiro:
Heitor (Volta Redonda-RJ) –
Teve que segurar a barra depois que o companheiro Grasson foi expulso aos 14 minutos. Mas ele não fez só isso. Já nos minutos finais, Heitor apareceu no ataque para dar o cruzamento que terminou com o gol de empate, marcado pelo estreante Olávio.

Zagueiro:
Luizão (Mirassol-SP) –
Na vitória do Leão no final de semana contra o Botafogo-SP, Luizão fez de tudo um pouco. Foi dele o gol da vitória, já na etapa final, aos 29 minutos do segundo tempo. Além de comandar a defesa para que o time pudesse segurar o placar de 1 a 0.

Lateral-esquerdo:
Helder (Criciúma-SC) –
Mesmo jogando diante do líder do Grupo B, o Criciúma-SC conseguiu embalar a segunda vitória seguida ao superar o Ypiranga-RS, por 1 a 0, em pleno Estádio Colosso da Lagoa, em Erechim e por isso, se fixou de vez no pelotão da frente, na briga pelo G4. O único gol do jogo foi marcado pelo lateral-esquerdo Helder, que foi um dos destaques do duelo. De cabeça, logo nos primeiros minutos do segundo tempo, ele se antecipou aos zagueiros e fez.

Volante:
Emerson (Ferroviário-CE) –
Num jogo difícil contra o lanterna Santa Cruz-PE, Emerson trouxe a tranquilidade necessária para o Ferrão equilibrar o jogo após o domínio inicial dos pernambucanos. Com uma boa atuação, conseguiu frear as principais investidas da Cobra Coral e ajudou o Tubarão a chegar com perigo através de bons passes e lançamentos.

Meia:
Léo Duarte (Ituano-SP) –
Apesar de ser lateral-direito de origem, Léo Duarte vem mostrando um bom futebol jogando no meio-campo do Ituano. Tanto que o jogador foi peça importante para o empate por 2 a 2 com o São José-RS neste último sábado. Foi dos pés dele que saiu o segundo gol do time paulista pegando um rebote e ele também ajudou demais tanto defensivamente, como ofensivamente.

Meia:
Cléo Silva (Novorizontino-SP) –
Cléo Silva foi o melhor homem em campo na vitória do Tigre sobre o Oeste. O jogador construiu a jogada do primeiro gol e balançou as redes no início do primeiro tempo. Além disso, também criou jogadas e chamou o jogo ao longo da segunda etapa.

Atacante:
Rildo (Paysandu-PA) –
O ex-jogador da Ponte Preta e Corinthians segue sendo destaque desde sua chegada ao Paysandu e na vitória contra o Jacuipense, por 2 a 0, que colocou a equipe na vice-liderança do Grupo A, não foi diferente. Rildo marcou o primeiro gol aproveitando uma bola alçada na área e infernizou a defesa adversária durante todo o tempo em que estava em campo.

Santa Cruz e Ferroviário ficaram no empate sem gols no Recife

Atacante:
Flávio Torres (Floresta-CE) –
Em um duelo difícil, sua entrada em campo mudou o jogo e ajudou o Lobo da Vila a conquistar um importante ponto numa rodada onde seus principais concorrentes tropeçaram. Autor de um gol, pavimentou o caminho para o empate diante do Manaus-AM quando o time enfrentava uma situação adversa no placar.

Atacante:
Andrew (Figueirense-SC) –
No duelo que fechou as disputas da 12ª rodada na noite desta segunda-feira, o Figueirense-SC recebeu e venceu o Paraná, pelo placar de 2 a 0, para voltar a colar no G4 do Grupo B. Um dos destaques do duelo foi o atacante Andrew, que marcou um dos gols da partida e infernizou a defesa adversária durante todos os 90 minutos de jogo.

Técnico:
Paulo Baier (Criciúma-SC) –
Sem dúvidas, o técnico da Seleção FI da 12ª rodada da Série C não poderia ser outro, a não ser Paulo Baier. Afinal, além de ter desbancado o líder do Grupo B, ao vencer o Ypiranga-RS, por 1 a 0, o Criciúma engatou a segunda vitória seguida e se firmou de vez no G4.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior