20.8 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Concurso TJ SP Juiz 2021: Saiu o edital com 266 vagas e salários de até R$28 mil


Edital publicado. O Tribunal de Justiça de São Paulo faz saber aos interessados a abertura de novo edital de concurso público (Concurso TJ SP 2021) para preencher 266 vagas imediatas no cargo de Juiz Substituto. As oportunidades são destinadas para quem são Bacharéis em Direito.

Do quantitativo de vagas ofertadas no edital TJ-SP para o cargo de Juiz, 200 são para ampla concorrência, 53 para negros e 13 para pessoas com deficiência. Para concorrer a uma das vagas, o candidato deverá ter bacharel em Direito há três anos, no mínimo, e ter três anos de atividade jurídica até a data da inscrição definitiva. Além de idade até 65 anos. O salário inicial da carreira chega a R$28.883,97. 

Inscrição Concurso TJ SP 2021 – Juiz

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 16 de agosto e 17 de setembro de 2021, pelo portal da Fundação Vunesp. O primeiro passo é preencher o formulário com todos os dados solicitados. Em seguida, gerar o boleto e pagar a taxa de R$288,83.

Provas concurso TJ SP

O concurso TJ-SP 2021 para o cargo de Juiz vai contar com cinco etapas, conforme disposto a seguir:

  • 1ª etapa: prova objetiva;
  • 2ª etapa: prova escrita;
  • 3ª etapa: inscrição definitiva; sindicância da vida pregressa e investigação social; exames de sanidade física e mental; avaliação psicológica;
  • 4ª etapa: prova oral;
  • 5ª etapa: avaliação de títulos.

Está confirmado que a prova objetiva será aplicada no dia 14 de novembro de 2021, em São Paulo, com início às 13h e duração de quatro horas.

O exame vai contar com 100 questões, divididas em três blocos:

Você Pode Gostar Também:

  • Bloco I (30 questões): Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito do Consumidor e Direito da Criança e do Adolescente;
  • Bloco II (35 questões): Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Constitucional e Direito Eleitoral;
  • Bloco III (35 questões): Direito Empresarial, Direito Tributário, Direito Ambiental e Direito Administrativo.

Segundo o edital, será habilitado na objetiva quem obtiver, no mínimo, 30% de acerto das questões em cada bloco e alcançar também média final de, pelo menos, 60% de acertos do total referente à soma algébrica das notas dos três blocos.

Provas escritas

A segunda etapa do concurso vai contar com provas escritas, realizadas em dias distintos. A primeira etapa da prova será prova discursiva. Nessa parte, os candidatos deverão responder questões relativas a Noções Gerais de Direito e Formação Humanística, além de outras disciplinas mínimas do certame.

Os outros exames de prática de sentença, em que os participantes deverão elaborar lavratura de duas sentenças, uma de natureza cível e outra de natureza criminal.

Veja os dias de aplicação das provas:

  • Prova discursiva – 6 de fevereiro de 2022;
  • Prova de sentença cível – 13 de fevereiro de 2022;
  • Prova de sentença criminal – 20 de fevereiro de 2022.

A validade do concurso será de dois anos, com possibilidade de prorrogação por igual período.

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos