Contra o Cuiabá, Palmeiras quer manter embalo da Libertadores para reagir


São Paulo, SP, 22 – O Palmeiras enfrenta o Cuiabá neste domingo, às 11h, no Allianz Parque, com uma missão em mente: dar fim à derrocada que tirou e distanciou o time paulista da liderança do Brasileirão. Com um empate e duas derrotas nos últimos três jogos, a equipe do técnico Abel Ferreira necessita vencer para buscar uma aproximação do Atlético-MG, atual líder do torneio. Cinco pontos separam os palmeirenses (32) da equipe mineira (37).

O caminho para conseguir a reabilitação passa pelo astral renovado que contagiou o clube no meio de semana. A contundente vitória de 3 a 0 sobre o São Paulo, que assegurou o Palmeiras na semifinal da Copa Libertadores, também serviu para acalmar os questionamentos sobre o trabalho do treinador.

O resultado também resgatou a confiança no futebol de um dos jogadores mais importantes do elenco: o atacante Dudu, autor do segundo gol no clássico.

A fórmula para dar a volta por cima foi dada pelo técnico Abel Ferreira: trabalho mental. “Trato os jogadores de maneira muito séria. Esses jogadores que estão aqui ganharam três títulos no ano passado e merecem respeito. O que nós fazemos aqui é mentalidade. Falo muito na parte mental porque é um dos componentes mais importantes que existe”, disse o treinador

Para a partida diante do Cuiabá, o Palmeiras não vai poder contar nem com Abel Ferreira e nem o auxiliar João Martins à beira do campo. Ambos foram expulsos na derrota de 2 a 0 para o Atlético-MG. O comando fica sob os cuidados de Vitor Castanheira. Outro que também fica fora é o volante Patrick de Paula: ele recebeu cartão vermelho em Belo Horizonte.

A boa notícia fica pelo retorno de Renan, que deve ser o titular da lateral esquerda e Victor Luís. Ambos voltam após cumprir suspensão automática.

Após trabalhar em campo reduzido para simular uma marcação alta diante do Cuiabá, Abel Ferreira não deve ter problemas para a definição de seus titulares. Dudu é a opção para atuar na criação junto com Raphael Veiga enquanto Wesley e Rony formam o ataque.

CUIABÁ QUER A REABILITAÇÃO

Buscando a reabilitação após derrota para o Grêmio, o técnico Jorginho terá um desfalque certo. O lateral João Lucas recebeu o terceiro cartão amarelo e não poderá atuar. Sem João Lucas, que levou o terceiro amarelo por reclamação, a tendência é que Jorginho coloque Lucas Ramon no setor, mas existe a possibilidade de Camilo ser improvisado, como já ocorreu em outras oportunidades. O treinador ainda poderá apostar numa linha de três defensores, só que as chances são remotas disso acontecer.

Apesar de João Lucas ser o único desfalque, Jorginho poderá mexer no setor ofensivo. Jonathan Cafu e Elton têm entrado constantemente durante as partidas e podem aparecer entre os titulares no domingo. Eles brigam por posição, respectivamente, com Danilo Gomes e Jenison.

“O Palmeiras tem um elenco excepcional, o banco de reservas é impressionante. Eu particularmente gosto de jogos desse nível. O adversário vai partir para cima e com isso vai nos dar oportunidades. É uma equipe muito bem organizada, mas acreditamos muito que podemos fazer um bom jogo e somarmos pontos”, disse Jorginho.

O Cuiabá está com 17 pontos no Brasileirão, brigando contra o rebaixamento, principalmente, com Sport (15) e América-MG (15). O Fluminense tem 17, contra 18 do São Paulo.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior