20.2 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

CRB x Operário – Oportunidade do Fantasma aprender com o melhor


Maceió, AL, 17 (AFI) – O primeiro turno encerra para CRB e Operário nesta quarta-feira, às 21h30, no Rei Pelé. A 19ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B reúne os times que, apesar de estarem com quatro pontos de distância, possuem um poderio ofensivo bastante diferente.

O CRB é o vice-líder com 32 pontos, atrás apenas do Coritiba, que soma 33. O Operário, com 28, é o décimo colocado e, por enquanto, a três pontos do primeiro clube no G4, o Náutico.

MUITO DE UM LADO, POUCO DO OUTRO

O Galo da Campina tem o melhor ataque da competição com 28 gols, em 18 rodadas, junto do Guarani. O artilheiro do CRB, Diego Terros, já balançou as redes sete vezes e o segundo maior goleador, Marthã, quatro.

O Operário, entre os dois primeiros colocados, tem o pior ataque e só colocou para dentro 16 vezes. O saldo de gols é menos quatro. Aqueles que mais marcaram pelo Fantasma não estão à disposição para a temporada. Ricardo Bueno foi vendido ao Juventude e Leandrinho está lesionado.

O atacante continua como artilheiro do time com apenas quatro tentos. O meio-campista tem dois. O Operário tem a oportunidade de “aprender” com o melhor na última rodada do turno inicial para, no returno, virar a chave.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

O treinador Allan Aal terá uma grande ausência, porém, um grande retorno também. O volante Marthã sentiu a virilha direita no empate em 1 a 1 com o Vitória e foi substituído por Claudinho, que deve ser o titular. O lesionado passará por exames para saber a gravidade.

A boa notícia atende pela volta do capitão Gum, que desfalou o CRB na última rodada. O zagueiro retoma o lugar na vaga de Ewerton Pascoa. No mais, o comandante tende a manter os onze iniciais.

Matheus Costa terá que mexer mais no Operário. O goleiro Simão e o volante Leandro Vilela cumpriram suspensão na igualdade com o Brusque em 1 a 1. Ambos estarão entre os titulares.

As ausências do Fantasma se dão por conta do desgaste físico. O recém-contratado Rafael Longuine atuou nas últimas duas partidas e sequer viajou para Maceió. Marcelo Oliveira e Rafael Chorão brigam pela posição. Na defesa, Fábio Alemão substitui Alex Silva ou Rodolfo Filemon, que também sentem a maratona de jogos.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior