Criciúma-SC x Oeste-SP – Diante do lanterna, Tigre tenta seguir embalado e no pelotão de cima da Série C


Criciúma, SC, 20 (AFI) – Embalado por duas vitórias seguidas, o Criciúma-SC volta a campo neste domingo (22) de olho em mais um resultado positivo para seguir no G4 e na briga pela liderança do Grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C. Em casa, às 11h da manhã, o Tigre recebe o lanterna Oeste-SP, no Estádio Heriberto Hulse.

Atualmente com 23 pontos, o Criciúma está no ‘pelotão de cima’ da chave. Em doze jogos são sete vitórias, dois empates e três derrotas. Já o Oeste vive uma situação totalmente diferente na tabela. Com apenas uma vitória até aqui, o time paulista somou somente seis pontos e por isso amarga a décima e última colocação, com sérios riscos de rebaixamento.

CRICIÚMA-SC
Para o duelo, o técnico Paulo Baier contará com um retorno, mas terá um desfalque. Isso porque, o atacante Hygor que já foi baixa contra o Ypiranga-RS na rodada passada, não treinou com bola no decorrer desta semana por conta de uma lesão muscular na coxa e irá seguir de fora. Maranhão, que substituiu o jogador na última partida, deve seguir formando trio de ataque com Marcão e Silvinho.

Por outro lado, o volante Fellipe Mateus está de volta após cumprir suspensão na rodada passada e será titular. Com isso, Jessé deve ser sacado do meio-campo. No último treino, realizado na manhã desta sexta-feira (20) realizado no Estádio Heriberto Hülse, a atividade teve enfase em bolas paradas e finalizações.

OESTE-SP
Para o duelo, o técnico João Brigatti está fazendo mistério sobre a provável escalação do Oeste, mas sem desfalques, seja por suspensão ou lesão, não deve fazer grandes mudanças na base que vem atuando. De qualquer forma, o diretor de futebol Mauro Guerra, falou sobre o foco nos três pontos.

“Nosso time precisa pontuar e sabe que terá pela frente adversário difícil. Mas, não tem mais como esperar porque precisamos somar pontos para sair dessa zona incomoda. Então é mais uma oportunidade que não pode deixar passar. Vamos jogar para a vencer, mesmo sabendo que adversário é forte. Não temos duas opções a não ser pontuar. Confiamos na nossa equipe”, disse o diretor de futebol Mauro Guerra, em entrevista ao Portal Futebol Interior.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior