Lattes deve ser totalmente reestabelecido na próxima semana


O presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Evaldo Vilela, afirmou que a Plataforma Lattes pode ser reestabelecida por completo no início da próxima semana. Após mais de 10 dias fora do ar, o acesso ao Lattes só está disponível parcialmente.

Desde o dia 23 de julho, o acesso ao Lattes e à Plataforma Carlos Chagas está prejudicado. As informações dos currículos do Lattes já estão disponíveis para consultas, mas o site ainda não permite a edição dos currículos, por exemplo. Já a Plataforma Calos Chagas segue fora do ar.

Os problemas têm causado apreensão entre os pesquisadores que temem a perda de dados. No entanto, o CNPq garante que os sistemas possuem backup.

Nesta sexta-feira (6), Vilela afirmou por meio das redes sociais no CNPq: “Nossa prioridade absoluta é o Lattes, que está preservado, não se perdeu dado nenhum. Neste final de semana nós continuaremos a trabalhar para restabelecê-lo logo no início da semana, se Deus quiser, com sua atualização e toda sua performance”.

Você Pode Gostar Também:

De acordo com o presidente do Conselho, o equipamento danificado que prejudicou o acesso às plataformas já está restaurado. No entanto, ainda opera com lentidão. “Nós temos que tomar muito cuidado, porque nós preservamos todos os dados e temos que retirar esses dados com certa cautela. Não podemos apressar o equipamento”, explicou ele.

Além disso, Vilela explicou ainda que depende do reestabelecimento do Lattes para o gerenciamento dos pagamentos de bolsas Carlos Chagas, já que os sistemas funcionam de maneira interligada. O presidente do CNPq finalizou sua fala com um pedido de desculpas para estudantes, professores e pesquisadores.

Confira atualizações no site do CNPq.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia UFAM abre período de inscrição do PSC 2021 na próxima semana.

 

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos