Londrina x Brasil-RS – Tubarão vai atrás da terceira vitória seguida contra um lanterna em crise


Londrina, PR, 21 (AFI) – Embalado com duas vitórias seguidas na Série B do Campeonato Brasileiro, o Londrina vive um novo momento na competição. Neste domingo, no estádio do Café, encara o Brasil-RS buscando uma nova vitória para sair da zona de rebaixamento e iniciar o returno almejando novos objetivos na competição.

Nas rodadas passadas, o time paranaense, 17ª colocado, com 19 pontos, venceu na sequência Vila Nova (1 a 0) e Vasco (2 a 1).

O Brasil não vence desde o dia 17 de julho, na 12ª rodada, quando bateu o Vitoria por 1 a 0. Para piorar, o Xavante vem de cinco derrotas seguidas – Sampaio Correa (2 a 1), Guarani (2 a 0), Coritiba (2 a 0), Botafogo (1 a 0) e CSA (1 a 0). Com apenas duas vitórias na competição, não venceu fora de casa na SérieB.

No primeiro turno, os dois times empataram sem gols em Pelotas-RS.

Saimon está confirmado no Tubarão

LONDRINA

Para a partida, o meia Matheus Bianqui, que vem sendo improvisado na lateral direita, está suspenso. Para esta vaga, o técnico Márcio Fernandes terá que novamente improvisar um atleta no setor. Três disputam a vaga: os volantes Luan Marchiori e Bidía e o zagueiro Saimon.

O goleiro César, com dores no joelho, o meia Celsinho, pancada nas costas e o atacante Marcelinho, dor na coxa, são dúvidas. Caso não joguem, Dalton entra no gol, Lucas Lourenço deve retornar de suspensão no lugar de Celsinho, e Caprini é a principal opção para a vaga de Marcelinho.

Os desfalques e a falta de opções levaram Fernandes a cobrar contratações. “A gente tem que ter mais opções para levar esse campeonato, com viagens, jogo em cima de jogo. Temos jogadores machucados, outros voltando e sem condição de jogo. Isso atrapalha bastante”, disse o técnico.

BRASIL

Pior ataque da Série B, com apenas onze pontos, o Brasil pode ter duas estreias como titulares neste domingo: meia Rildo e o atacante Erison. Eles já entraram no decorrer da partida contra o CSA e devem receber chance do técnico Cléber Gaúcho.

Os dois foram contratados nesta semana. O atacante Erison é ex-XV de Piracicaba e o meio-campo Rildo ex-Grêmio. Os dois jogadores chegam por empréstimo até o fim da Série B.

Não bastasse a situação delicada na tabela de classificação, o Brasil vive também um momento de turbulência fora das quatro linhas, com atraso de salários


Fonte: Futebol Interior