Ponte Preta 3 x 0 Brusque – Em jogo ‘sem’ VAR, Macaca vence e se afasta da zona de rebaixamento da Série B


Campinas, SP, 22 (AFI) – A Ponte Preta deu mais um passo para escapar de vez do rebaixamento. O time paulista derrotou o Brusque pelo placar de 3 a 0, na noite deste domingo, no Moisés Lucarelli, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, com destaque para o goleiro Ivan, que fez defesas importantes durante os 90 minutos.

Com o resultado, a Ponte Preta chegou aos 22 pontos, na 15ª colocação, três do Vila Nova, o primeiro dentro da zona de rebaixamento. O Brusque, que conheceu seu quinto tropeço consecutivo, ficou com 25, em 13º.

O VAR, novidade na Série B do Campeonato Brasileiro, não pôde ser utilizado no estádio Moisés Lucarelli por conta de problemas técnicos, o fato gerou muita reclamação, principalmente do Brusque, que contestou o pênalti marcado no terceiro gol do clube campineiro.

VEJA OS GOLS DA MACACA

MACACA NA FRENTE!

Apesar de ainda não contar com os reforços anunciados ao longo da semana – Marcelo Hermes e Yago -, a Ponte Preta começou o jogo tentando seguir se firmando fora do G-4. A pressão em cima do Brusque acabou dando resultado. Cleylton recebeu de Moisés e cabeceou na trave. Aos 26 minutos, não teve jeito. Niltinho cobrou escanteio na cabeça de Rodrigão, que testou firme para inaugurar o marcador.

O Brusque até tentou buscar uma reação, mas a noite era da Ponte Preta. O time campineiro não encontrou dificuldade em anular o rival e ampliou aos 37 minutos. Moisés recebeu com total liberdade e cruzou para dentro da área. Airton tentou afastar o perigo, mas jogou nos pés de Fessin, que mandou no fundo das redes.

Ponte Preta derrota o Brusque. Foto: Alvaro Jr/Pontepress

Após o gol, a Ponte recuou e foi administrando a vantagem. O Brusque, por sua vez, buscou o lado esquerdo de campo para tentar uma reação, mas o time campineiro esteve muito bem posicionado e impediu o rival de avançar.

FECHOU A CONTA

No segundo tempo, o Brusque voltou mais ligado e enfim conseguiu ameaçar a Ponte Preta. Logo de cara, Ivan evitou o gol do time catarinense ao segurar um belo chute de Rodolfo Potiguar. E a sorte não estava com a equipe visitante. Garcez recebeu de Toty e jogou na trave.

Do outro lado, a Ponte Preta continuou aproveitando as oportunidades. Iago foi derrubado por Éverton Alemão, e o árbitro assinalou pênalti. Como o VAR estava com problemas técnicos, o lance não foi revisto. Moisés, que não tinha nada com isso, bateu e fez 3 a 0.

O Brusque ainda tentou o ‘gol de honra’ de todas as maneiras, mas encontrou o goleiro Ivan em uma noite inspirada. O arqueiro fez grandes defesas, a principal em uma tentativa à queima-roupa de Thiago Alagoano. A grande exibição pode fazer o goleiro ganhar confiança na sequência da competição.

PRÓXIMOS JOGOS

Na próxima rodada, o Brusque enfrenta o CSA, no sábado, às 21h, no estádio Castelão, em São Luís (MA). No domingo, às 16h, a Ponte Preta visita o Vasco da Gama, em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ).

Confira também:





Fonte: Futebol Interior