Seleção FI da 11ª rodada da Série C é ‘operária’ com Gusmão no comando


Campinas, SP, 09 (AFI) – A 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C terminou com o Botafogo-PB na liderança do Grupo A, com 19 pontos, seguido por Manaus, Tombense e Volta Redonda, todos com 17. Pelo Grupo B, o Ypiranga lidera com 23, tendo na sua cola Novorizontino e Ituano, com 20. O Botafogo tem 19.Com Gerson Gusmão no comando, a equipe foi formada no tradicional 4-4-2, com os destaques da rodada. Os atletas que brilharam foram os ‘operários’, aqueles que se doam ao máximo para contribuir com a equipe.
Confira a seleção da 11ª rodada da Série C:
Goleiro: Lucas Pereira (Novorizontino)

Lucas Pereira entrou no lugar do lesionado Rodrigo Viana ainda no primeiro tempo e não decepcionou. O goleiro reserva mostrou que estava preparado e fez boas defesas garantindo que o Novorizontino continuasse sem sofrer gols em casa.

Lateral-direito: Rodrigo Ferreira (Botafogo-SP)
Eficiente e seguro na defesa, o lateral precisou ir ao ataque para garantir os três pontos. Os atacantes cansaram de esbarrar em Bruno Grassi. Na cobrança de falta, Rodrigo bateu forte e contou com desvio do zagueiro paranista para dar a vitória ao Botafogo-SP.

Zagueiro: Kanu (Ypiranga)
Foi um monstro na defesa do Ypiranga, peça chave na vitória por 1 a 0 diante do Mirassol. Os atacantes do Leão vão ter pesadelos com a grande atuação do defensor. Merece um espaço dentro da seleção.

Zagueiro: Luis Fernando (Manaus)
Foi o ponto forte do Manaus na vitória por 1 a 0 para cima do Volta Redonda. O atleta ganhou todas na defesa e contribuiu muito para o time amazonense somar mais três pontos na Série C. Esteve implacável tanto pelo alto, tanto por baixo.
Lateral-esquerdo: Manoel (Tombense)
Fez bom jogo pela lateral-esquerda da equipe de Tombos. O time mineiro criou muito pelo setor, inclusive, com o atleta, que chegou em duas oportunidades. Defensivamente, esteve perfeito. O Jacuipense sequer assustou o rival.

Volante: Caetano (Botafogo-SP)
Com um time montado ofensivamente, coube a Caetano a função de impedir que o Paraná ameaçasse o sistema defensivo. Como ‘cão de guarda’, o volante foi perfeito, cobriu bem os zagueiros e contribuiu para o triunfo de 1 a 0 do Pantera.
Meia: Luizinho (Oeste)
Luizinho correu o campo todo. Foi dele o gol que abriu o caminho para a primeira vitória do Oeste na Série C. Com a bola nos pés, o jogador mostrou ter qualidade para tabelar, passar e finalizar.

Meia: Jaílson (Santa Cruz)

Reestreou mostrando muita intensidade e movimentação dentro de campo, participando de boa parte das jogadas ofensivas. Foi recompensado com a assistência para Pipico no primeiro gol sobre o Floresta.

Meia: Everton Galdino (Tombense)
Fez grande jogo na vitória do Tombense por 3 a 0 para cima do Jacuipense. Foi o homem mais perigoso da equipe durante todo o primeiro tempo e foi recompensado, na etapa final, com um gol. Carregou o ‘piano’ e ainda brilhou no setor ofensivo.

Atacante: Augusto (Ferroviário)
Augusto evitou a derrota do Ferroviário ao buscar um empate por 1 a 1 diante do Altos. O jogador quebrou um jejum de gols ao marcar no último lance do duelo. Mostrou muita insistência e força de vontade para conseguir chegar à redes.

Atacante: Silvinho (Criciúma-SC)
Sem dúvidas, o atacante Silvinho não poderia ficar de fora da Seleção FI da 11ª rodada. No único jogo disputado nesta segunda-feira, o experiente jogador marcou os dois gols da vitória do Criciúma por 2 a 1 em cima do São José, que fez com que o Tigre retornasse para o G4 do Grupo B. Com um posicionamento apurado, ele estava ‘no lugar certo, na hora certa’ para marcar.

Treinador: Gerson Gusmão (Botafogo-PB)
O Botafogo-PB foi aos vestiários com uma derrota parcial por 1 a 0. Gerson Gusmão conversou e lançou Welton para o segundo tempo. O atacante, logo aos 7 minutos, empatou e, no decorrer da partida, se tornou o melhor em campo. O Belo virou e assumia a liderança. Hora de recuar? Não. O Botafogo continuou em cima e as novas substituições de Gusmão mantiveram o alto nível para o time vencer e se isolar no topo do Grupo B.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior