Seleção FI da Série B vem com dupla da Ponte Preta, atacante do líder Coritiba e outro destaques


​Campinas, SP, 24 (AFI) – A briga pelo acesso no Campeonato Brasileiro da Série B está acirrada. A diferença do líder Coritiba para o nono colocado, o Sampaio Corrêa é de apenas oito pontos. No entanto, o Coxa segue sobrando, com 39 pontos, contra 36 do CRB, 35 do Goiás, e 33 do Avaí.

A equipe foi formada pelos destaques da rodada, com nomes como Joel Carli, do Botafogo, e Claudinho, do Cruzeiro. A Ponte Preta foi quem mais recebeu indicações, com duas, assim como o Operário, se contar o técnico Matheus Costa.

O treinador tem feito uma grande campanha pelo Fantasma e o colocou na briga pelo acesso em meio a tantos favoritos.

Confira a Seleção FI da 20ª rodada da Série B

Goleiro: Matheus Nogueira (Brasil-RS)
Provavelmente, Matheus Nogueira foi o grande destaque de toda 20ª rodada da Série B. O goleiro do Brasil-RS teve noite inspirada e ajudou o time a empatar com o Londrina, por 0 a 0, no interior do Paraná. Matheus fez pelo menos quatro grandes defesas, incluindo um pênalti batido pelo atacante Alisson Safira. Deixou o gramado como o melhor em campo e falando em uma ‘nova fas’ do Xavante no segundo turno da Série B.

Lateral-direito: Claudinho (Cruzeiro)
Claudinho entrou improvisado de lateral logo no início do primeiro tempo devido à lesão de Norberto. O jogador, no entanto, desequilibrou a favor da Raposa. Criou as melhores oportunidades e ainda fez uma jogadaça antes de Wellington Nem se chocar com Michael e o árbitro marcar pênalti, convertido por Marcelo Moreno.

Zagueiro: Joel Carli (Botafogo-RJ)
De volta ao time titular do Botafogo, Joel Carli teve atuação segura na vitória sobre o Vila Nova, por 3 a 2, no Nilton Santos. Coincidencia a parte, ele saiu na reta final do segundo tempo, justamente quando o Vila melhorou em campo e quase buscou o improvável empate. Carli é ídolo do torcedor e deve dar mais segurança à defesa do time.

Zagueiro: Cleylton (Ponte Preta)
Chamou a atenção na vitória da Ponte Preta por 3 a 0 para cima do Brusque. Se no ataque, André Luis brilhou, na defesa Cleylton não deu menor chance para os atacantes do time catarinense. Seguro, fez grande partida, tanto pelo alto, quanto com as bolas nos pés.

Lateral-esquerdo: Bryan (Náutico)
O Timbu encerrou uma sequência de cinco derrotas consecutivas e venceu o CSA, por 1 a 0, em Maceió. O lateral Bryan foi bastante acionado e colaborou tanto no ataque quanto na defesa. Deixou o campo como um dos mais regulares na importante vitória pernambucanoa.

Volante: Marcelo (Operário)
Marcelo teve sangue frio para acabar com a pressão do Vasco. O volante do Operário também foi preciso em seu chutaço que abriu o marcador para o clube paranaense na vitória que colocou o Fantasma colado no G4. Bem defensivamente, Marcelo ainda foi um homem surpresa para garantir os três pontos.

Meia: Soares (Vitória)
Soares precisou de muita categoria e precisão para encerrar a sequência negativa do Vitória na Série B. O meia surpreendeu todos em um escanteio venenoso e marcou um golaço olímpico no triunfo rubro-negro sobre o Guarani. Com essa categoria não poderia ficar de fora da Seleção FI.

Meia: Renan Bressan (CRB)
Renan Bressan fez uma tabelinha perfeita com o VAR. O árbitro de vídeo assinalou duas penalidades máximas e o jogador do CRB converteu ambas. Na primeira deslocou o goleiro rival e na segunda mandou no meio do gol. Tranquilidade e precisão para garantir a vitória alagoana.

Atacante: Nadson (Sampaio Corrêa)
Foi o principal destaque do empate por 2 a 2 entre Goiás e Sampaio Corrêa. O atacante brilhou a favor da Bolívia Querida ao anotar os dois gols de sua equipe. Além de ter sido o principal responsável pelo empate, ajudou na marcação e na construção de jogadas.

Atacante: Moisés (Ponte Preta)
Teve atuação destacada na vitória da Ponte Preta por 3 a 0 para cima do Brusque. Ele quem começou a jogada que culminou com gol de Fessin. Ainda chamou a responsabilidade no fim para converter uma penalidade máxima. Tem sido importante nesta reação da equipe campineira.

Atacante: Igor Paixão (Coritiba)
O Coritiba não teve vida fácil na vitória sobre o Avaí, de virada, por 2 a 1, em Florianópolis. E um dos melhores em campo foi o atacante Igor Paixão, autor do gol de empate quando o time paranaense estava atrás no placar. Ele está longe de ser badalado, apesar dos quatro gols no campeonato, mas é homem de confiança do treinador Gustavo Morínigo.

Técnico: Matheus Costa (Operário)
Matheus Costa foi o escolhido o técnico da seleção da 20ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O treinador vem realizando grande campanha com o Fantasma e teve destaque no triunfo por 2 a 0 para cima do Vasco da Gama, dando um verdadeiro nó tático em cima de Lisca.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior