SÉRIE B: Guarani goleia Operário e Náutico quebra série negativa na estreia de Marcelo Chamusca


Campinas, SP, 24 (AFI) – Dois jogos agitaram a noite terça-feira pela Série B do Campeonato Brasileiro. Abrindo a 21ª rodada, o Guarani derrotou o Operário por 3 a 0 e se aproximou do G-4. Mais tarde, no encerramento da 20ª rodada, o Náutico enfim voltou a vencer, ao bater o CSA, por 1 a 0, na estreia do técnico Marcelo Chamusca.

COBERTURA COMPLETA
O Portal FUTEBOL INTERIOR acompanha as Séries A, B, C e D do Brasileirão
online pelo PLACAR AO VIVO e também depois
com comentários e destaques da rodada.
Baixe também o Aplicativo – App Placar FI
tanto pelo Google Play como APP Store.

CONFIRA TODOS OS DETALHES DA SÉRIE B !

BUGRE VENCEU!
Na abertura da 21ª rodada da Série B do Brasileirão, na noite desta terça-feira, o Guarani venceu o Operário-PR por 3 a 0, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP). Com o triunfo, o Bugre sobe quatro posições na tabela de classificação e assume o quinto lugar, com 33 pontos. O Fantasma fica na sétima colocação do campeonato, com 32 pontos conquistados.

A primeira boa chance no primeiro tempo foi do Operário. Aos cinco minutos, Paulo Sérgio cobrou falta e Rafael Martins defendeu em dois tempos. O Bugre respondeu aos 11 minutos. Andrigo chutou forte por cima do gol. Aos 34 minutos, os donos da casa voltaram ao ataque. Júlio César recebeu passe de Lucão do Break e bateu para fora. Quatro minutos depois, Rodrigo Andrade arriscou de longe e Simão defendeu. E o gol do Alviverde saiu aos 44 minutos. Lucão do Break chutou rasteiro e abriu o placar no Brinco de Ouro.

Guarani abriu a 21ª rodada com vitória

No segundo tempo, o Bugre ampliou o resultado aos quatro minutos do segundo tempo. Andrigo chutou e Simão espalmou. No rebote, Júlio César balançou as redes. O Fantasma tentou responder aos sete minutos. Reniê chutou de longe e a bola passou perto da trave de Rafael Martins. Aos 13,  Alex Silva cabeceou por cima do gol dos mandantes.

O Alvinegro quase marcou aos 33 minutos. Após cobrança de escanteio, Alex Silva chutou e Mateus Ludke salvou em cima da linha. Na sobra, Rodrigo Pimpão foi travado. No fim, aos 42, Pimpão recebeu na entrada da área e chutou por cobertura, mas não conseguiu marcar para o Operário. Nos acréscimos, o Guarani deu números finais à partida. Aos 51 minutos, Alex Silva marcou contra.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior