Série C: Não é só o sorriso que entrega a grande fase de atacante do Paysandu-PA, o nome também


Belém, PA, 18 (AFI) – Rildo chegou na metade de julho e só entrou em campo quatro vezes pelo Paysandu-PA, no Campeonato Brasileiro Série C. O desempenho, porém, é muito acima da média. O atacante assumiu a titularidade e já tem dois gols pelo Papão.

O curioso é que Rildo não disputava uma partida desde dezembro de 2020 com o Avaí, pela Série B. O ex-Ponte Preta ficou o ano de 2021 inativo até receber a oportunidade na Curuzu e não decepcionar.

TREINADOR DO PALMEIRAS DESABAFA SOBRE EXPULSÕES

O IMPORTANTE É VENCER

Rildo estreou contra o Manaus-AM, no dia 25 de julho, e, apesar de atuar em apenas 17 minutos, fez o gol do empate, nos acréscimos. O jogo acabou 1 a 1. Ele começou no banco na rodada seguinte, mas ganhou minutagem maior no duelo com Tombense-MG.

Roberto Fonseca não teve motivos para segurar e lançou o atacante entre os 11 iniciais na derrota por 2 a 1 para o líder Botafogo-PB e, na última partida, no triunfo sobre o Jacuipense-BA por 2 a 0, quando Rildo abriu o placar e fez o que deseja com a camisa bicolor.

“Fico muito feliz em ajudar o Paysandu marcando gols. Falei quando cheguei aqui que, independentemente de quem faça os gols, o importante é sempre o Paysandu estar saindo vencedor. É claro que é importante o atacante estar marcando gols, mas o mais importante é o Paysandu sair vitorioso dos jogos.”

RILDO, O FELÍCISSIMO

A alegria não fica estampada apenas no lindo sorriso do atacante. O nome de Rildo, na certidão de nascimento, tem dois sobrenomes: Andrade e Felicíssimo. O jogador não se incomoda e entra nas brincadeiras, que serão melhores com um possível acesso.

“O pessoal brinca com o meu sobrenome, mas estou muito feliz com o momento que estou vivendo aqui, depois de tanto tempo sem atuar. Foram os meus primeiros jogos no ano e estou muito feliz em estar jogando, mas eu vou ficar mais felicíssimo se a gente conseguir o nosso objetivo, que é o acesso.”

CONFRONTO DIRETO

O atacante do vice-líder do Grupo B tem grande tarefa na próxima rodada. O Paysandu visita o quinto colocado Volta Redonda-RJ, no Raulino de Oliveira, domingo (22) às 18 horas.

O Papão tem 19 pontos, a apenas um do líder Botafogo-PB e do próprio Voltaço, que busca entrar no G4. Além dos fluminenses, Ferroviário-CE, Tombense e Manaus somam 18 pontos.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior