Série D: Zagueiro do 4 de Julho-PI faz relato sobre queda de estrutura do estádio Frei Epifânio: “Foi terrível”


Teresina, PI, 30 (AFI) – Imperatriz-MA e 4 de Julho-PI empatavam em zero a zero, aos 30 minutos do segundo tempo, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro Série D, quando a cobertura do estádio Frei Epifânio, em Imperatriz-MA, veio abaixo. Chovia e ventava muito no momento que a estrutura desabou. Devido aos protocolos da Covid-19 não havia público e ninguém se feriu.

A partida valia a confirmação da vaga na próxima fase para o time piauiense, que acabou acontecendo. Já a equipe maranhense vai buscar a classificação na última rodada.

RELATO

O zagueiro Gilmar Bahia, capitão do 4 de Julho-PI, falou sobre os momentos de tensão.

“Foi terrível, terrível. Um terror mesmo. Vento muito forte, o alambrado caiu, veio para o nosso lado.

Tivemos que pular o alambrado para sair do campo, acabei caindo, bati a cabeça e a coluna no chão, mas estou bem, não foi nada muito grave“, completou ele.

TABELA

Como faltavam apenas 15 minutos para o fim do jogo, a partida foi encerrada com o placar de zero a zero. O resultado garantiu a classificação do 4 de Julho-PI, que ocupa o segundo lugar do Grupo A2, com 21 pontos. A equipe encerra sua participação na primeira fase no próximo sábado, às 15, em casa, contra o Juventude-MA.

Já o Imperatriz-MA joga no mesmo dia e horário, contra o Palmas-TO, fora de casa. O confronto é direto por vaga na fase seguinte. A equipe maranhense precisa vencer e ainda torcer por um tropeço do Moto Club-MA para avançar.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior