Sport x São Paulo – Na Ilha do Retiro, duelo é para se distanciar das últimas colocações


Recife, PE, 21 (AFI)  – Buscando deixar a zona de rebaixamento, o Sport encara o São Paulo neste domingo, na Ilha do retiro, em Recife, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O time pernambucano está na 17ª posição, com 15 pontos e uma vitória neste domingo tira o time da zona de rebaixamento e encosta o Sport com mesmo número de pontos que o São Paulo.

O São Paulo vem com duas vitórias seguidas – Atlético-PR e Grêmio espera uma nova vitória para se distanciar das últimas colocações.

ATAQUE
Para buscar a vitória, o Sport porém terá que melhorar seus números ofensivos. O time pernambucano é o pior ataque da competição, com apenas oito gols marcados – pior desempenho do clube na história da Série A dos pontos corridos (desde 2003).

A diretoria investiu em nomes conhecidos para o ataque como André, Tréllez, Neilton e Everaldo, mas até agora ninguém enfrenou com a camisa de titular. Para a partida contra o São Paulo, o técnico Umberto Louzer vai apostar em Mikael e Paulinho Moccelin no ataque, com Éverton Felipe e Thiago Neves no setor de criação.

Se é o pior ataque, é a segunda melhor defesa da competição, com 13 gols sofridos, só ficando atrás do líder Atlético-Mg, que levou onze.

Sem vencer há dois jogos e vindo de derrota para o Flamengo (2 as 0), o volante Zé Welison espera concentração máxima na partida contra o São Paulo.

“Temos um jogo difícil contra o São Paulo e vamos estudar o adversário para executar o que foi trabalhado durante a semana. Estamos concentrados. Demos mole contra o Flamengo e agora precisamos melhorar, principalmente porque estamos jogando em casa. Não podemos ficar nessa posição na tabela”, apontou.

O atacante Tréllez, emprestado pelo São Paulo ao Sport, por cláusula contratual não joga.

SÃO PAULO
O São Paulo terá dois desfalques certos neste domingo. O lateral-esquerdo Reinaldo está suspenso. Já o polivalente Welington, lesionado, também está fora.

A ordem no clube é esquecer a eliminação para o Palmeiras na Copa Libertadores e focar para sair das últimas colocações do Brasileirão e na Copa do Brasil.

” Saímos da Libertadores tristes, saímos para o atual campeão. Infelizmente saímos por erro nosso. Nós jogadores, quando ganhamos, ganhamos juntos, agora que fomos eliminados, fomos juntos. Vamos levantar a cabeça, temos Brasileirão pela frente e a Copa do Brasil”, explicou o experiente Miranda.


Fonte: Futebol Interior