Vacinação libera entrada de turistas brasileiros em diversos países; confira lista



A pandemia de Covid-19 adiou o sonho de muita gente que queria fazer uma viagem ao exterior. Com os riscos de contaminação e circulação de novas variantes/cepas, diversos países fecharam suas fronteiras para cidadãos estrangeiros. É o caso de nós, brasileiros, que estamos impedidos de entrar em algumas nações, como por exemplo, Argentina e Chile e na maioria dos países que compõem a União Europeia.

O que muita gente não sabe é que 111 países estão com fronteiras abertas para brasileiros. Se assustou com o número? Achava que brasileiro não podia entrar em canto algum, não é mesmo? Embora o número pareça grande, acontece que a quantidade de requisitos para ingressar em algumas localidades pode ser um complicador.

Alguns países, por exemplo, liberam a entrada de brasileiros, mas exigem que o visitante fique por 14 dias em quarentena dentro de um hotel. Aí realmente não vale a pena. Já pensou passar 14 dias dentro de um quarto para só então ser liberado a fazer turismo? Complicado demais! A não ser que você esteja fazendo teste de confinamento para entrar no próximo Big Brother Brasil.

Mas então, quais países a circulação de brasileiros está permitida sem grandes restrições? México e República Dominicana são dois bons exemplos. Na verdade, eles nunca fecharam para brasileiros, o que tem levado muito visitantes a lugares paradisíacos como Punta Cana e Cancun. Enquanto o México não exige sequer o exame negativo para Covid-19, a República Dominicana passou a exigir, a partir do dia 31 de maio deste ano, a apresentação do RT-PCR negativo para liberação da entrada por lá.

Outro destino querido dos brasileiros, os Estados Unidos, segue com as fronteiras fechadas. Não é possível para não residentes acessarem a terra da Disney com voos regulares a partir do Brasil. Mas, se você está com saudades dos parques de Orlando e dos Outlets, existe uma maneira de visitar os americanos. Para isso, o brasileiro precisa passar 14 dias em um país que não tenha restrição de entrada vigente para os EUA, como é o caso do México. Brasileiros que passarem 14 dias em território mexicano, poderão entrar normalmente nos Estados Unidos com apresentação do RT-PCR negativo. De lá, você pode voltar diretamente para o Brasil.

A boa notícia é que com o avanço da vacinação muitos países estão abrindo novamente suas fronteiras para nós. Nos últimos dias, França, Suíça, Finlândia, Egito, Canadá, dentre outros, anunciaram o relaxamento das medidas para visitantes de diversas nacionalidades, incluindo o Brasil. Mas para voltar a carimbar o passaporte, você deve estar completamente vacinado e conferir se a sua vacina é aceita pelo país em questão. 

Vista do mar de Nova Iorque, nos Estados Unidos (Foto: Acervo Pessoal / Erick Issa)

O Itamaraty recomenda que antes de viajar para o exterior, o cidadão brasileiro consulte detalhadamente as restrições em seu Portal Consular ou no site da IATA (Associação Internacional do Transporte Aéreo), que conta com um mapa mundial, constantemente atualizado, com informações de cada país. Também estão abertos para brasileiros países como Marrocos, Dubai e Maldivas.

Outra dica importante é baixar o Aplicativo Conecte SUS para emitir o certificado de vacinação contra a Covid-19. Além de trazer as informações em idiomas como inglês e espanhol, o App registra data da aplicação das doses, lotes, nome dos respectivos fabricantes, dentre outras questões importantes para evitar problemas na imigração na hora de entrar em um determinado destino. Vale lembrar que para não depender da internet, o viajante pode e deve imprimir o seu certificado de vacinação antes da viagem.

Também é possível acessar alguns países, desde que com fronteiras abertas, ao validar o QR-Code que aparece em determinados cartões de vacinação. Se o seu cartão tiver um QR-Code, você pode validar através do site Valida Certidão. Mas não esqueça de verificar os requisitos antes de fazer planos e comprar sua passagem.

Erick na França; e ao lado em Portugal (Fotos: Acervo Pessoal / Erick Issa)

França
Destino muito procurado pelos casais apaixonados, a França anunciou que volta a receber turistas brasileiros desde que estejam completamente vacinados. Isso significa que você precisa ter recebido as duas doses de uma das vacinas aprovadas pelo país, como AstraZeneca, Pfizer e Moderna, ou a dose única da Janssen. A Coronovac ainda não faz parte da lista, pois está em análise pela Agência Europeia de Medicamentos. Para ingressar no país europeu, é preciso ter tomado a segunda dose há pelo menos 7 dias. No caso da Janssen, há 28 dias.

Suíça
Famosa pelos belos alpes e montanhas, a Suíça também flexibilizou a entrada para brasileiros vacinados. A boa notícia é que o país já aceita visitantes vacinados com a Coronavac. Além deste, os outros imunizantes aceitos são Moderna, Pfizer, AstraZeneca e Janssen. Está aí uma excelente oportunidade para programar a visita à terra dos relógios e chocolates.

Canadá
No dia 7 de setembro deste ano, quando estivermos comemorando mais um ano da independência do Brasil, os canadenses receberão os primeiros brasileiros após um longo período de fronteiras fechadas. O país da América do Norte anunciou que passa a receber turistas brasileiros a partir da data desde que completamente vacinados com uma dose da Janssen ou duas doses da Pfizer, Moderna ou AstraZeneca. A Coronovac está de fora da lista.

Egito
Quando em 1997 a banda “É o Tchan” lançou a música que falava da mistura do Brasil com o Egito, eles nunca imaginaram que os brasileiros seriam impedidos de entrar naquele país por conta de uma pandemia. Brincadeiras à parte, os brazucas voltam a poder viajar para o país das famosas pirâmides. Para isso, basta apresentar o comprovante completo de imunização emitido pelo Ministério da Saúde. O Egito aceita seis vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). São elas: Coronavac, Janssen, Pfizer, Moderna, Sinofarm e AstraZeneca.

Erick Issa na cidade do México (Foto: Acervo Pessoal / Erick Issa)

Finlândia
Um dos mais recentes países a anunciar a abertura para brasileiros vacinados foi a Finlândia. O país europeu, sempre associado à neve por conta das temperaturas geladas e da proximidade com o Polo Norte, liberou a entrada no dia 26 de julho. Para isso, é preciso ter tomado as duas doses de uma das seguintes vacinas: Coronavac, Pfizer, AstraZeneca ou Janssen. Outro requisito a ser cumprido é a exigência de ter tomado a segunda dose há pelo menos 14 dias.

Antes de planejar uma viagem para o exterior, esteja ciente que tudo pode mudar a qualquer momento. O fato de um país ter aberto suas fronteiras, não significa que a medida não possa ser revista e o turismo volte a ficar inacessível por um período. Tudo depende das autoridades sanitárias de cada nação, bem como a circulação do vírus e novas cepas/variantes. Só viaje se estiver seguro para tal. 

Gostou das dicas e quer saber mais sobre viagens e turismo? Siga o Instagram @issabordo ou acesse www.issabordo.com.br para conversar diretamente comigo. Aguardo você!





Fonte: iBahia