21.1 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Auxílio-gás federal para todos os brasileiros pode ser pago em breve


Auxílio gás pode ser o décimo benefício previsto para o Auxílio Brasil. O novo programa social deve começar no mês de novembro e dentre seus abonos, o pagamento do auxílio-gás a famílias atendidas está previsto.

No entanto, embora a gestão do projeto pretendia liberá-lo junto ao Auxílio Brasil, foi aconselhado ao presidente da república, Jair Bolsonaro, a antecipação do pagamento do benefício. Desta forma, o auxílio-gás pode começar a ser pago no mês de setembro.

A medida será uma ajuda financeira de R$ 120, pago a cada dois meses as famílias beneficiadas em situação de vulnerabilidade social devido a pandemia decorrente da Covid-19. O benefício é destinado a compra de um botijão de gás e será distribuído por meio de um ticket.

No total, o projeto deve custar cerca de R$ 3 bilhões. Todavia, será financiado pelos programas de incentivo de energia limpa da Petrobras, sendo o Ministério de Minas e Energia o responsável pela estruturação do auxílio-gás.

O Governo Federal pretendia anunciar o auxílio no mês de outubro, para que fosse viabilizado no mês de novembro junto ao Auxílio Brasil. Porém, devido ao aumento da inflação, e logo do preço do botijão de gás, Bolsonaro foi aconselhado a antecipar o benefício.

Você Pode Gostar Também:

O presidente da república já havia percebido a dificuldade da população mais carente em comprar um botijão de gás. Antes de definir o auxílio-gás, pretendia entregar um botijão a cada família em um período bimestral, mas ação ia gerar um grande custo, a qual não foi levada adiante.

Auxílio Brasil

O Auxílio Brasil é o novo programa social que visa substituir e melhorar o Bolsa Família. Ele também beneficiará as famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), sistema de dados para concessão em programas sociais do Governo Federal.

Diante disso, através do Auxílio Brasil, o Governo pretende ampliar o número de famílias atendidas e aumentar o valor médio concedido atualmente pelo Bolsa Família. Para isso, a estratégia é aumentar o número de benefícios.

O principal objetivo, é ajudar uma maior quantidade de brasileiros em situação de pobreza e extrema pobreza. Além disso, pretende estimular que os segurados conquistem sua independência financeira e superem a condição vulnerável.

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br

Fonte: Notícias Concursos