Botafogo-PB 1 x 1 Tombense-MG – Belo não amplia, recua na reta final e sofre o empate – Futebol Interior


João Pessoa, PB, 05 (AFI) – Um jogo emocionante fechou o domingo de Campeonato Brasileiro Série C. Pela 15ª rodada, o Botafogo-PB recebeu, no Almeidão, o Tombense-MG e empatou em 1 a 1. O Belo não ampliou, por conta da grande atuação de Felipe Garica, e recuou na reta final. O Tombense aproveitou para, enfim, atacar e deixar tudo igual.

Os gols foram marcados por Tsunami, na primeira etapa, e Manoel, aos 49 minutos do segundo tempo.

O Botafogo fica fora do G4 no Grupo A, na quinta colocação, com 22 pontos. Igual ao quarto Volta Redonda-RJ, que leva vantagem nos gols marcados (18 a 15). Ambos têm cinco no saldo. À frente, aparece o Tombense com 23. Um atrás dos líderes Manaus-AM e Paysandu-PA.

ATACOU MAIS E FOI RECOMPENSADO

O Botafogo, em casa, aproveitou para comandar as primeiras ações da partida. Apesar de não oferecer tanto perigo ao goleiro Felipe Garcia, ficou no ataque e não deixou o Tombense chegar.

Aos 14 minutos, porém, os visitantes assustaram bastante. Igor fez boa jogada pela esquerda e estava pronto para abrir o placar. A finalização acabou em uma ótima defesa de Lucas.

O tempo passou e o volume maior do Botafogo foi recompensado. Aos 24, Tinga chutou, de fora da área, e viu Felipe Garcia espalmar. Tsunami aproveitou o rebote e abriu o placar. Os times tentaram criar, antes do intervalo, mas não encontraram espaço.

BOTAFOGO RECUOU

Na volta dos vestiários, o Botafogo não se acomodou com a vantagem parcial e foi em busca de mais gols. Logo aos 9 minutos, Tinga, de novo ele, arriscou de longe e a redonda desviou na zaga do Tombense. O desvio, porém, quase levou a bola às redes. Felipe Garcia se recuperou e salvou.

A pressão do Botafogo continuou. Clayton passou por dois defensores e chutou com força por cima do gol. O Belo não ampliou por conta de Felipe Garcia. Em escanteio de Gabriel Araújo, William Machado resvalou e a bola ficou limpa para Éderson. O atacante pegou de primeira e o goleiro do Tombense brilhou.

O Botafogo não aumentou e recuou nos minutos finais. Momento ideal para o Tombense subir ao ataque, na “famosa” pressão, que deu certo. Aos 49 minutos, Vitinho lançou para Deivid. O lateral-direito avançou e cruzou na área. O zagueiro Manoel, de peixinho, empatou.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS

O Botafogo tem tarefa dura pela 15ª rodada. O Belo visita, na Colina, o Manaus, às 16 horas do domingo (12).  O Tombense joga no sábado contra o Altos-PI, às 15 horas, no Tombos.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior