Dirigente explica parceria da Portuguesa com atletas colombianos – Futebol Interior


São Paulo, SP, 2 – O gerente de futebol integrado da Portuguesa, Flávio Alves, deu mais detalhes sobre a parceria do clube para trazer os jogadores colombianos na última quarta-feira (1º). Até o momento, a Lusa contratou Jheiner, Jordan, Lucumí e Mosquera. O último já deixou o time rubro-verde sem estrear.

O diretor falou que há uma divisão nos gastos e que a pandemia ‘amarrou’ essa relação. “Essa é uma parceria que conseguimos. Tinha a possibilidade até de levarmos alguns atletas para lá (Colômbia). O problema todo foi porque aconteceu no meio dessa pandemia. Acabamos não tendo a condição de ampliar e melhorar essa parceria. Então, ficamos amarrados nessa questão. Por ser uma parceria, existe uma divisão das despesas”, declarou ao Paixão Lusa.

ANÁLISE DO TREINADOR

Já o técnico Fernando Marchiori analisou a importância dos atletas no plantel. Jheiner foi colocado mais abaixo, enquanto Jordan teve seu desempenho muito destacado pelo comandante.

“Jordan teve um trabalho muito bom, fez a sua faz primeira apresentação em Madureira. Mas ele teve uma lesão que tardou o retorno dele, agora vem readquirindo a sua melhor forma. É importante ter um jogador com as características dele no elenco. Tem o Jheiner, de 20 anos. É um menino que chegou bem ‘cru’, com dificuldades técnicas e físicas, muito por conta da pandemia. Ele vem demonstrando uma evolução muito boa”, disse.

“O Bryan (Lucumí) é um atleta de velocidade, força física, mas enxergamos que precisa de mais amadurecimento nas tomadas de decisões. Porém, é uma atleta que jogou a Série A de Brasileiro. Então acreditamos que pode contribuir e nos ajudar também”, complementou.

PRÓXIMO JOGO

Líder do Grupo A7 da Série D e já classificada, a Portuguesa volta campo neste sábado (4), às 15h, quando enfrenta o Cianorte-PR pela 14ª e última rodada da primeira. A Lusa precisa vencer para garantir a primeira colocação.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior