Meio-campista aposta em entrosamento para final feliz em nova passagem pelo Botafogo-PB – Futebol Interior


João Pessoa, PB, 15 (AFI) – O Botafogo-PB apresentou oficialmente o meio-campista Cleyton, por empréstimo do Operário. Ele retorna com o objetivo de mudar a história da última passagem, em 2017, quando o Belo ficou muito próximo do rebaixamento no Campeonato Brasileiro Série C. O jogador confia não só no grupo, como na experiência de já conhecer o clube.

Cleyton estava no Operário, desde 2018, e foi pouco utilizado durante a campanha na Série B da atual temporada. Foram 12 partidas e nenhum gol. O meio-campista, logo no primeiro ano, ainda trabalhou com o atual treinador do Botafogo, Gerson Gusmão.

DIEGO TARDELLI PERSEGUIDO PELA ‘TORCIDA’ SANTISTA

ENTROSADO

Apesar da apresentação apenas nesta semana, Cleyton entrou em campo na última rodada contra o Manaus. O duelo acabou 0 a 0 e o meio-campista participou de alguns minutos, que só tendem a aumentar. O famoso período de adaptação não deve ser problema.

“Conheço alguns jogadores que estão aqui. Já joguei com o Clayton, joguei com o Pablo, com o Sávio, e tem outros atletas que eu já conhecia de outros clubes, então já fica um pouco mais fácil conseguir o entrosamento. É um grupo muito bom, um grupo preparado para esse campeonato, então acho que estamos no caminho certo.”

‘NOVO ANO’

A meta, em 2017, também era o acesso. O problema foi o desempenho abaixo do esperado. Cleyton, à época no CSA, deixou o clube alagoano por acreditar no projeto do Botafogo. Em 2021, ele volta a acreditar, porém, “agora é um novo ano”.

“Naquele ano, eu vim para o Botafogo-PB com a intenção de conseguir o acesso à Série B. À época, o Belo já tinha já tinha algum tempo na Série C, por isso eu troquei o CSA por esse projeto; no entanto, acabamos, infelizmente, brigando contra o rebaixamento. Agora é um é o novo ano, o clube está buscando novamente esse acesso.”

VIDA FÁCIL?

O Botafogo tem os mesmos 23 pontos do quinto colocado, o Ferroviário-CE, mas leva vantagem no saldo de gols e, por isso, abre o G4 no Grupo A. Nas duas últimas rodadas, os adversários do Belo são o Jacuipense-BA e o Santa Cruz-PE, ambos na zona de rebaixamento com poucas chances de permanecer.

O duelo com o Jacupa é neste domingo, às 19 horas, no Almeidão.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior